Brusque sai atrás, busca igualdade, mas larga com empate na estreia do Catarinão

Ambos os gols da partida foram anotados no primeiro tempo.

Publicidade
Utilidade pública

Diante ótimo público que compareceu para prestigiar  a estreia da equipe no Campeonato Catarinense, o Brusque FC ficou no empate em 1 a 1 com o Joinville na noite desta quarta-feira (16). Ambos os gols da partida foram anotados no primeiro tempo. Grampola abriu o placar para o JEC ao fazer o primeiro gol do campeonato aos 19 minutos. Aos 29, Hélio Paraíba, de carrinho, deixou tudo igual.

O Brusque volta a jogar agora no sábado (19), quando enfrenta o Hercílio Luz, fora de casa.

O jogo

Os 1863 torcedores que compareceram ao estádio para prestigiar a ao primeiro confronto do Campeonato Catarinense viram o adversário começar um pouco melhor que o Bruscão, aproveitando erros de passes dos donos da casa e levando perigo à meta do goleiro Zé Carlos, que fez sua estreia na equipe junto com outros reforços como os meias Karl e Gustavo, além do atacante Weverton.

Depois de Hélio Paraíba obrigar o goleiro Jeferson, do JEC, a fazer um milagre aos 16 minutos, em cabeçada à queima-roupa,  a resposta do time do norte veio três minutos depois com gol de Grampola, que recebeu totalmente livre e tocou para o gol vazio. No lance, os jogadores do Brusque chegaram a reclamar de uma falta em Hélio Paraíba no início da jogada.

O empate do Bruscão veio aos 29 minutos. Gustavo recebeu no meio da zaga do JEC, avançou e cruzou para Paraíba desviar de carrinho: 1 a 1.

Após o gol, o Brusque cresceu, pressionou, mas não conseguiu chegar ao segundo gol.

Etapa final

No segundo tempo, logo com 1 minuto, Natan recebeu livre, na cara de Zé Carlos, e perdeu boa chance. Pouco depois, foi a vez de Gustavo assustar o gol do JEC. Ele recebeu passe açucarado de Edilson, mas finalizou fraco, nas mãos de Jefferson, e perdeu grande chance.

Com o passar dos minutos e o zero no placar, o técnico Paulo Baier foi gastando suas mudanças. Primeiro tirou Gustavo para a entrada de Ruan, depois sacou Jefferson Renan para colocar Luizinho Fonte e, por último, Karl deu lugar a Isac. O time tentou um abafa, enquanto o JEC também mudou, apostando no contragolpe. Nenhuma equipe, no entanto, voltou a balançar as redes e o placar de 1 a 1 permaneceu até o fim.

Publicidade
Últimas notícias

Boletim da Covid-19 deste sábado, 12, informa óbito e 70 novos casos

COVID-19 – Boletim epidemiológico 12 de junho 70 novos casos da doença foram registrados em Brusque nas últimas 24h O novo...
Publicidade
WhatsApp chat