PM apresenta balanço final da Operação Varejo – l

Outras notícias da semana

Ação comunitária busca ajudar família atingida por incêndio no Steffen

Uma ação solidaria, mobilizada nas redes sociais, busca ajudar a família que perdeu os bens e mantimentos após um incêndio em residência. O sinistro...

Prefeitura de Brusque e Observatório Social promovem oficinas gratuitas sobre licitação

A administração municipal, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda e do Observatório Social de Brusque e Região (OBS Brusque) promovem...

Prefeito Matias Kohler recebe alta do Hospital Imigrantes e cidade prepara recepção para seu retorno

O Hospital Imigrantes informa que o prefeito de Guabiruba (SC) e presidente da Associação dos Municípios do Médio Vale do Itajaí (AMMVI), Matias Kohler,...

Aposta de Ribeirão Preto acerta as seis dezenas da Mega-Sena

Uma aposta de Ribeirão (SP) acertou as seis dezenas da Mega-Sena e vai receber o prêmio de R$ 76.128.023,58 milhões. O sorteio foi realizado no...
Operação Varejo - l
Cigarros apreendidos pelo 18º Batalhão da PM na Operação Varejo – l (Foto: PM)

O 18º Batalhão de Polícia Militar divulgou o balanço final da Operação Varejo – l, desencadeada em todo estado e também em Brusque. Os números finais foram apresentados nesta quinta-feira, 7.

De acordo com o comando estadual, ação coordenada teve “objetivo de reprimir o contrabando de cigarros e a comercialização de materiais de procedência duvidosa, além de armas de fogo e drogas”, diz a nota.

Operação Varejo - l
Operação Varejo – l foi realizada pela PM em todo estado de Santa Catarina (Foto: PM)

Na área do 18ºBPM, o trabalho de buscas começou por volta das 8h. Cerca de 30 policiais militares fiscalizaram 25 bares e similares, sendo encontrados 7,6 mil maços de cigarros, sete máquinas de jogo de azar; blocos de anotações das apostas e R$ 2,260 mil. Além disso, foram lavrados oito Termos Circunstanciados (TC) por jogo do Bicho.

“Com a apreensão de cigarros ilegais e de produtos de origem duvidosa é possível contabilizar o montante recolhido em valores reais, sobre o quanto representaria esta apreensão na arrecadação de tributos para Santa Catarina. Santa Catarina contabiliza consequentes prejuízos causados pelos cigarros contrabandeados que circulam no Estado. Segundo levantamentos da Secretaria da Fazenda, há uma perda de aproximadamente R$ 7 milhões mensais na arrecadação, que contabilizam um montante anual de R$ 84 milhões”, finaliza a nota da PM.

Operação Varejo - l
Operação Varejo – l realizada pela PM em Brusque e região (Foto: PM)

Últimas postagens

Ação comunitária busca ajudar família atingida por incêndio no Steffen

Uma ação solidaria, mobilizada nas redes sociais, busca ajudar a família que perdeu os bens e mantimentos após um incêndio em residência. O sinistro...

Campanha arrecada roupas e alimentos para família que teve casa atingida por incêndio

Moradores de Brusque e região estão arrecadando roupas e comida para doarem à uma família que teve a casa destruída por um incêndio nesta...

Operação ‘Bioma’ de combate ao tráfico de animais silvestres tem alvo investigado em Guabiruba

Na manhã desta segunda-feira, a Divisão de Investigação Criminal de Brusque - DIC, prestou apoio a "Operação Bioma" desencadeada pela Delegacia de Repressão a...

Motorzinho e Lucas Rech fazem pódio brusquense no Circuito Summit de Travessias

Dois brusquenses conquistaram bons resultados no Circuito Summit de Travessias. Foram 2 km de prova em mar aberto, na praia de Balneário Barra do...
Publicidade
WhatsApp chat