Hospital Azambuja divulga média de atendimento no domingo após reclamações nas redes sociais

Publicidade
Utilidade pública

O Hospital Azambuja se manifestou em nota oficial sobre reclamações de internautas nas redes sociais a respeito do atendimento prestado no domingo, 24. Muitos comentários se referiram sobre a demora do atendimento no pronto-socorro. Um deles citou quatro horas espera, enquanto que outro comentário citou 7h de aguardo para chamada médica.

Na resposta em face das reclamações, o hospital informa que havia dois médicos no período de 24h e passou média de atendimento durante o domingo.

Confira o que diz o hospital.

ATENDIMENTOS PRONTO-SOCORRO NO HOSPITAL AZAMBUJA

Diante de relatos quanto a preocupação relacionada a demora nos atendimentos realizados no Hospital Azambuja, de Brusque, no último domingo, 24 de março, descritos por algumas pessoas da comunidade e publicadas na rede social: “Movimento Direita Brusque SC”, o hospital respeita o direito de expressão, mas vê a necessidade de esclarecer alguns dados que a grande maioria da população desconhece. Como zelamos pela transparência, entendemos que devemos informar:

1. Hospital Azambuja possui Contrato com a SMS-Secretaria Municipal de Saúde de Brusque para atendimentos de Urgência e Emergência.

URGÊNCIA: Ameaça em um futuro próximo

EMERGÊNCIA: Ameaça imediata

2. Hospital Azambuja dispõe de protocolo de triagem para identificar os tipos de atendimentos

3. Abaixo dados de atendimentos em um período de 72 horas, considerando dia 22/03 Sexta a partir das 00h01m até 24/03 Domingo ás 23h59m.   

 MÉDICOS POR PERÍODO 24H

02

 ATENDIMENTOS NO PRONTO SOCORRO

698

 MÉDIA DE ATENDIMENTO A CADA 24H

232

 ATENDIMENTOS DE EMERGÊNCIA

36 – 5,15% do total    

 ATENDIMENTOS DE URGÊNCIA

128 – 18,33% do total

 MÉDIA DE ATENDIMENTOS DAS 06H ÀS 00:00H

11,51 pacientes/hora

 MÉDIA DE ATENDIMENTOS DAS 00:00H ÀS 06:00H

04,21 pacientes/hora

 AMBULÂNCIAS

Aproximadamente 30 – a cada 2h30m recebimento de uma Ambulância

Com os dados acima, fica melhor o entendimento da população, da complexidade de um Pronto-Socorro, e que toda a equipe não mede esforços para atender a população, mesmo que com um período mais demorado, pois nossa obrigação legal é voltada a Urgência e Emergência que somadas representam 23,48% do total de atendimentos.

Evandro Roza

Administrador Hospital Azambuja

Publicidade
Últimas notícias

Covid-19: Confira o boletim epidemiológico desta quarta-feira (28)

47 novos casos da doença foram registrados em Brusque nas últimas 24h O novo boletim epidemiológico divulgado pela Diretoria de...
Publicidade
WhatsApp chat