Hospital Azambuja e empresários apresentam novos projetos de serviços em saúde e infraestrutura da unidade hospitalar

Projetos foram elaborados com doações de empresários de Brusque e região e incluem Hemodinâmica, ampliação do Centro Cirúrgico, Pronto-Socorro, ampliação de leitos da UTI Adulta, entre outros

Outras notícias da semana

Brusque registra mais um óbito associado ao coronavírus

A Prefeitura de Brusque, por meio da Vigilância em Saúde, registra nesta quinta-feira (19) mais um óbito associado ao coronavírus. A nova vítima, a de...

Servidores da Prefeitura de Brusque terão 10 dias de férias coletivas

A Prefeitura de Brusque divulgou nesta quinta-feira (19) que os servidores públicos terão 10 dias de férias coletivas neste fim de ano. De acordo...

UNIFEBE promove gincana virtual com terceirões de Brusque e região

Em uma semana os estudantes do 3º ano do Ensino Médio das escolas de Brusque e região serão desafiados a pôr à prova a...

Planejamento de retorno as aulas presenciais é tema de entrevista com a Coordenadora do Comitê de Contingenciamento da COVID 19

Portarias publicadas no sábado (21) são válidas para escolas das redes municipais e privada. Na rede estadual, retorno está suspenso por determinação judicial. Das 16...

Na manhã desta segunda-feira, 15 de julho, representantes do Hospital Arquidiocesano Cônsul Carlos Renaux – Hospital Azambuja e lideranças empresariais do município realizaram a apresentação dos novos projetos da unidade hospitalar.

Os investimentos são fruto da campanha de arrecadação entre empresários da cidade e da região, que iniciou em fevereiro de 2019 e já contabilizou cerca de R$ 5,5 milhões em doações. A campanha foi liderada pelos empresários Ademar Sapelli, Ingo Fischer, Luciano Hang e Osmar Crespi.

IMG_7481
Empresários e membros da diretoria do Hospital de Azambuja em evento no Teatro de Azambuja. (Assessoria HA).

Com o valor, foram desenvolvimentos projetos de inovação e melhorias, tanto em serviços prestados como também em infraestrutura. O evento contou com a presença de lideranças empresariais, de entidades de classe, representantes do poder público, médicos, além de convidados e imprensa. Na oportunidade, além dos projetos foi apresentada a prestação de contas dos valores doados e a previsão de investimento das obras.

Modificações

Entre os projetos previstos para o Hospital, está a Hemodinâmica, importante serviço para a população, com estimativa de realizar 40 exames diagnósticos por mês e dez exames terapêuticos (ambos considerando o SUS), com um dos mais modernos equipamentos do país. Inicialmente o serviço deve iniciar com atendimento particular e convênios, para posteriormente buscar o credenciamento ao SUS, com previsão de seis meses.

O Pronto-Socorro também será readequado e ampliado, para melhor receber e atender pacientes, bem como para as equipes médicas. Da mesma forma a recepção do hospital passará por um processo de reforma e ampliação, de 80 metros quadrados para 400 metros quadrados, obra que já está em andamento.

No Centro Cirúrgico, com as obras de readequação, serão ampliadas de cinco para oito salas, o que irá aumentar também o número de procedimentos realizados de aproximadamente 500 (atualmente) para cerca de 650 a 800 cirurgias/mês.

Além disso, com a ampliação do Centro Cirúrgico e com a Hemodinâmica, o hospital também passará a realizar o novo serviço de Cirurgias Cardíacas, com o mesmo processo de credenciamento ao SUS. Da mesma forma, a UTI Adulta terá a ampliação de mais dez leitos.

Outros dois importantes projetos para o Hospital Azambuja serão o Centro de Parto Normal, voltado à mulher e às gestantes de alto risco, e a UTI Neonatal, com dez leitos, trazendo mais segurança para as equipes médicas e para os recém-nascidos e suas famílias.

Em relação aos cronogramas, as previsões são de que a nova recepção possa ser inaugurada em outubro deste ano, o Pronto-Socorro entre os meses de novembro e dezembro, e a Hemodinâmica em fevereiro de 2020, assim como o Centro Cirúrgico. “Acredito que até a metade de 2020 poderão ser entregues todos os projetos, incluindo o Centro de Parto Normal e de gestante de alto-risco, que irá melhorar muito o atendimento à população e para as gestantes, assim como a UTI Neonatal.  Acreditamos que com esses investimentos e, em especial com a área de parto e neonatal, tanto em atendimentos do SUS como convênios e particular, devemos aumentar nossos atendimentos em cerca de 25%. Com todos esses investimentos e melhorias, teremos um hospital quase novo para atender a população de Brusque e região, que merecem um hospital à altura. E estamos melhorando, não só fisicamente, mas também em nosso corpo clínico, com novas especialidades, que é o que a população precisa”, declara o administrador do Hospital Azambuja, Evandro Carlos Xavier da Roza.

Ao longo do evento também foi anunciada a possibilidade de verba através de uma emenda parlamentar, do deputado estadual Serafim Venzon, no valor de R$ 2,7 milhões que, caso seja concretizada, poderá contribuir ainda mais para as obras de renovação do hospital.

Exemplo para o país

Durante o evento, o diretor administrativo, Pe. Nélio Roberto Schwanke, enalteceu o papel dos empresários em prol da entidade, que a partir de agora vive um novo momento em seus serviços prestados. “Ninguém quer estar no hospital, mas ele precisa estar com as melhores condições para receber aqueles que necessitam, para aliviar suas dores e enfermidades, em busca da cura de suas doenças. Os empresários da cidade se deram conta da importância dessa instituição de saúde em nossa cidade e hoje vimos as formas como esses recursos serão aplicados. Como diretor, agradeço a todos que colaboraram, e que Deus derrame suas bênçãos em cada um”, declarou.

IMG_7495
Empresários e imprensa na vista as obras realizadas no Hospital Azambuja.

Da mesma forma o empresário e provedor do Hospital Azambuja, Ingo Fischer destacou o protagonismo empresarial em prol da comunidade brusquense, que será a grande beneficiada com os recursos e os novos projetos do hospital. “O Hospital Azambuja é uma entidade que todo mundo precisa e com esses recursos levantados com o empresariado brusquense e regional, vamos contribuir para que a instituição seja bem aparelhada, com novos e modernos equipamentos, além da melhoria na estrutura. E isso só vem engradecer a comunidade de Brusque. A campanha está aberta, temos cerca de cem empresas que estão colaborando com o hospital e quem tiver interesse, que possa contribuir e ajudar ainda mais”, destacou.

O empresário Luciano Hang, vice-provedor do hospital, também destacou a importância da união dos empresários em prol da comunidade, o que representa um legado e deve servir de exemplo a outros locais do Brasil. “Quando pensamos em montar a Hemodinâmica, foi para arrecadar R$ 3 milhões. Em pouco tempo conseguimos esse valor e pensamos em melhorar a Recepção, o Pronto-Socorro, o Centro Cirúrgico e hoje temos R$ 5,5 milhões de doações de empresários. Mas, tem muito a ser feito ainda. Então convidamos os empresários para que possam colaborar. Doar dinheiro é fácil, mas doar nosso tempo é difícil, então que colabore, para transformarmos o Hospital Azambuja em uma referência nacional. Sem dúvida, com saúde, educação e segurança vamos transformar a vida do cidadão brusquense e de toda região de forma única, estando entre os municípios com melhor qualidade de vida do país”, ressaltou.

Também presente no evento, o prefeito em exercício, José Ari Vequi enalteceu a iniciativa, em especial pelas melhorias previstas que irão beneficiar a população de Brusque como um todo na área da saúde pública do município. “Esses investimentos da iniciativa privada são essenciais, pois o município não tem recursos, o Estado muitas vezes não tem e essa parceria vem para beneficiar a população brusquense, em especial o atendimento via SUS. Sem dúvida a parceria privada vai ajudar muito para atender o hospital, pois quem será contemplada será a população brusquense”, comentou.

Após a solenidade de apresentação dos projetos e prestação de contas, todos os empresários e autoridades presentes foram convidados a visitarem as obras do hospital que já estão em andamento, e os atuais espaços que devem ser ampliados.

Saiba mais

Atualmente o hospital tem uma média de 8 mil atendimentos por mês somente no Pronto-Socorro. Incluindo todos os atendimentos do hospital, como consultas ou exames, os números chegam a 20 mil por mês. Só na área de exames de imagem são cerca de 6 mil, aproximadamente 600 cirurgias, quase 180 partos mensais e 200 internações clínicas.

O Hospital Azambuja conta em seu quadro com 461 colaboradores, 121 médicos no Corpo Clínico, 162 leitos, sendo 22 na Maternidade e 10 na UTI Adulto. Possui ainda 17 especialidades médicas, como anestesiologia, cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, hematologia, intensivista, pediatria, pneumologia, neurocirurgia, nefrologia, neurologia, obstetrícia e ginecologia, ortopedia e traumatologia, otorrinolaringologia, radiologia, urologia e vascular.

SourceRedação

Últimas postagens

Telefones de Unidades de Saúde passam por manutenção

A Secretaria de Saúde informa que, devido à portabilidade das linhas telefônicas, os telefones das Unidades Básicas de Saúde dos bairros Volta Grande, Paquetá,...

Endorfina – sorteio de 24 de novembro.

Buquê Mix de flores da Barni Garden. Toda semana recebendo flores frescas pra você presentear e homenagear as pessoas que você ama. Barni...

Interligado – resultado sorteio de 24 de novembro.

Pizza Grande sabores tradicionais da Pizzaria D’Itália (retirada no balcão).Ganhadora: Cassia Schmidt

Brusque registra mais um óbito por covid-19; mulher de 73 anos

A cidade Brusque registrou na manhã desta quarta-feira (24) o óbito de número 61, associado ao Coronavírus. Trata-se de uma mulher de 73 anos,...
Publicidade
WhatsApp chat