Ama Brusque elege nova diretoria

Por unanimidade, a jornalista Guédria Motta, mãe de duas crianças com autismo, assume a presidência da entidade

Outras notícias da semana

Sine de Brusque tem mais de 100 vagas de emprego disponíveis

O Sistema Nacional de Emprego (Sine) de Brusque conta, nesta quinta-feira (21), com 103 vagas de empregos disponíveis. Quem tiver interesse em uma das...

Presidente do Sintrafite fala sobre campanha salarial e atendimentos no setor da saúde para os associados e dependentes

Anibal Boettger, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Fiação, Malharia, Tinturaria, Tecelagem e Assemelhados de Brusque e Região fala sobre os objetivos...

Brusque registra 101 novos casos de coronavírus nas últimas 24h

Brusque registrou 101 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas. Neste dia 19 de janeiro foram contabilizados 15.003 notificados, sendo 404 ativos e...

Pronegócio encerra com a marca de mais de 700 mil peças vendidas

Mais de 700 mil peças foram vendidas na 54ª Pronegócio, realizada pela Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr). O...

Foi realizada na noite de terça-feira, 12 de novembro, a Assembleia Extraordinária, que elegeu a nova diretoria da Associação de Pais, Profissionais e Amigos dos Autistas de Brusque e Região (Ama Brusque) para o biênio 2020/2022. Por unanimidade, a jornalista Guédria Motta, mãe de duas crianças com autismo, assumiu a presidência da entidade, que tem como vice-presidente a fisioterapeuta Eliane Lana Dutra, também mãe de uma criança com autismo.

“A Ama Brusque foi fundada há seis anos e o objetivo é dar continuidade ao trabalho que já vinha sendo desenvolvido pelas diretorias anteriores, como a Jornada de Atualização em TEA, o encontro mensal com pais e profissionais, bem como as aulas de natação e culinária”, explica a presidente eleita, Guédria Motta.

Segundo ela, a intenção também é avançar, sobretudo em busca de políticas públicas e demais incentivos que garantam o acesso de crianças em vulnerabilidade social às terapias de estimulação com fonoaudiologia, terapia ocupacional com integração sensorial, psicologia e psicopedagogia. “É importante entender que autismo é uma condição meio e não uma condição fim. Por essa razão, com a intervenção adequada, é possível que a criança caminhe dentro do espectro e passe dos níveis mais severos aos níveis mais leves. Não acreditamos na cura do autismo e, tampouco, queremos “normalizar” as crianças dentro do espectro. Mas podemos, sim, dar a ela mais autonomia e qualidade de vida através das terapias”, pontua Guédria.

Hoje, em Brusque, apenas a Apae recebe crianças com autismo para o serviço de estimulação. No entanto, após os seis anos, apenas os casos mais severos, geralmente associados à deficiência intelectual, permanecem na instituição. A partir daí, as famílias só encontram a continuidade das terapias com efetividade na rede particular.

“Recentemente a Ama Brusque fez uma pesquisa e descobriu que 80% das crianças dentro do espectro em Brusque não fazem nenhuma terapia. Isso certamente compromete o desenvolvimento e afeta o rendimento escolar, as habilidades de socialização e, no futuro, o acesso ao emprego. É uma realidade que precisamos intervir e mudar”, planeja Guédria.

Em busca de recursos, a Ama Brusque realiza no dia 14 de dezembro, das 8h às 12h, pelas sinaleiras de Brusque, a primeira edição do seu Pedágio Solidário. Neste momento ainda há necessidade de voluntários, que podem se inscrever através do telefone: (47) 99164-4332 (whatsapp). Da mesma forma, empresas que desejam conhecer e incentivar os projetos da Ama Brusque, inclusive através da dedução de impostos, podem entrar em contato pelo telefone (47) 9999-0138.

Por unanimidade, a jornalista Guédria Motta, mãe de duas crianças com autismo, assume a presidência da entidade. (Foto: Divulgação / AMA Brusque)

Últimas postagens

Imagens de vias do bairro Lageado Baixo atingidas pela enxurrada

Uma enxurrada atingiu várias ruas do bairro Lageado Baixo, em Guabiruba, no final da tarde e início de noite deste domingo, 24. A comunidade...

Guabiruba enfrenta situação caótica após enxurrada no Lageado Baixo

O bairro Lageado Baixo, em Guabiruba, foi fortemente atingido por uma enxurrada no início da noite deste domingo (24). A enxurrada causou e pânico...

Boletim epidemiológico de domingo, 24 de janeiro

A cidade de Brusque registrou 20 novos casos de coronavírus nas últimas 24 horas. É o que aponta o mais recente boletim epidemiológico divulgado...

Hospital Azambuja divulga nota de pesar pelo falecimento do Dr. Lira

É com profunda tristeza que o Hospital Arquidiocesano Cônsul Carlos Renaux – Hospital Azambuja lamenta o falecimento do médico Adail Japy Lira, aos 77...

Homem fica ferido após colisão de carro em poste em Águas Claras

Uma colisão de um veículo em um poste da rede pública de energia deixou um homem de 34 anos ferido. O acidente ocorreu na...
Publicidade
WhatsApp chat