Águas Claras e Ponta Russa registram 102 milímetros de chuva; 32 ocorrências foram registradas na cidade

Várias ocorrências estão sendo atendidas durante esta madrugada

Publicidade
Utilidade pública

Brusque amanheceu em com ruas alagadas e com vários outros locais da cidade com ocorrências preocupantes. Choveu, em um curto período de tempo, 102 milímetros de chuva nos bairros Águas Claras e Ponta Russa. Entre as regiões do Zantão e Volta Grande choveu entre 75 e 85 milímetros. 32 ocorrências foram registradas e 20 casas atingidas. As informações são do Diretor da Defesa Civil de Brusque, Carlos Alexandre Reis, em entrevista ao vivo no Jornal da Diplomata deste sábado, 11 de janeiro.

Carlos Alexandre Reis, Diretor da Defesa Civil, em participação ao vivo no Jornal da Diplomata deste sábado, 11.

A Prefeitura de Brusque, através da Defesa Civil, da Guarda de Trânsito, da Secretaria de Obras e da Comunicação Social, está de plantão para amenizar os efeitos advindos da chuva torrencial que caiu nas últimas horas em toda a região.

Qualquer relato de ocorrência pode ser feito através dos seguintes números – (47) 3396-7413 / (47) 9. 9145-4249 e o telefone de emergência da Defesa Civil 199.

Desalojados

Uma ocorrência de maior monta foi registrada na rua Ponta Russa, bairro de mesmo nome. No local, uma residência mista acabou sendo arrastada pelas águas. A Defesa Civil de Brusque se faz presente e presta todo o acompanhamento necessário para a família. Não há informação de feridos.

No bairro Limeira, outra família ficou ilhada e necessitou do auxílio da Defesa Civil para a retirada dos moradores. De acordo com a prefeitura, será aberto na Arena Brusque o abrigo para desalojados. Em breve enviaremos release sobre.

A preocupação é grande também na região do loteamento Dom Nelson, com cerca de 20 casas atingidas.

Obras

Mesmo durante a noite, a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos está com diversas equipes na rua para minimizar os efeitos estruturais trazidos pela forte chuva.

Todas as ligações referentes à intempérie devem ser encaminhadas ao número 199 da Defesa Civil.

Rio

A princípio, conforme a Defesa Civil, não há a preocupação com o Rio Itajaí Mirim. A perspectiva é positiva e ele não deve sair de sua calha natural.

Publicidade
Últimas notícias

Brusque FC entra em concentração para enfrentar o Coritiba, nesta terça-feira (3)

O Brusque FC se reapresentou na tarde do último domingo para iniciar a preparação para o jogo contra o...
Publicidade
WhatsApp chat