Polícia Militar fiscalizará uso de cerol em pipas, proibido por lei

Outras notícias da semana

Polícia Civil prende homem por tráfico, posse de munição e com mandado em aberto

No início da tarde desta quarta-feira (25) policiais civis da Divisão de Investigação Criminal de Brusque, da Delegacia de Polícia da Comarca de Brusque...

Guabiruba implementa restrições após matriz de nível gravíssimo para Covid-19

Com a mudança da matriz de risco para gravíssimo em toda a região do Médio Vale, a Prefeitura de Guabiruba continua a seguir as...

Retorno às aulas presenciais na região é tema de reunião

Na tarde desta terça-feira (24) foi realizada no gabinete do prefeito Jonas Paegle uma reunião para discutir o cenário para retorno das aulas presenciais...

Philarmonia Brusque lança no dia 6 de dezembro o Camarote Virtual com clipes natalinos

Depois de muitos ensaios, captura de imagens e gravações em estúdio, a Philarmonia Brusque está com tudo pronto para o lançamento do Camarote...

Na última quinta-feira,11, o comandante do 18° Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Otávio Manoel Ferreira Filho, esteve reunido em seu gabinete com lideranças locais e integrantes da Associação de Moradores do Loteamento das Bromélias.

Na ocasião, foram discutidas alternativas para iniciar uma campanha educativa e de fiscalização ao combate da utilização de cerol em pipas. O objetivo da campanha é conscientizar as pessoas e evitar mal maior no futuro.

Lei

A brincadeira é uma prática antiga e muito conhecida, que traz diversão. Mas, o uso do cerol, pode ser autuado no artigo 132 do Código Penal, já que ele expõe “a vida ou a saúde de outrem a perigo direto e eminente”, com pena de “detenção, de (3) três meses a (1) um ano, se o fato não constitui crime mais grave”.

Em Santa Catarina, a lei estadual n° 1.698/2001, proíbe a utilização de pipas ou similares equipadas com instrumentos cortantes e com linhas preparadas à base de produtos cortantes, com apreensão do objeto e à imposição de multa, sem prejuízo das penalidades previstas na legislação federal.

Venda

A venda é proibida e deve ser denunciada. Avenda ou exposição a venda de fio com cerol ou outro material cortante similar é regulado no Código de Defesa do Consumidor – Lei nº 8.137/90, que estabelece em seu art. 7°, IX, que constitui crime contra as relações de consumo: “vender, ter em depósito para vender ou expor à venda ou, de qualquer forma, entregar matéria-prima ou mercadoria, em condições impróprias ao consumo”, com previsão de pena de “detenção, de 2 (dois) a 5 (cinco) anos, ou multa”.

Cabe informar também que o art. 278 do Código Penal prevê que constitui crime:  “Fabricar, vender, expor à venda, ter em depósito para vender ou, de qualquer forma, entregar a consumo coisa ou substância nociva à saúde, ainda que não destinada à alimentação ou a fim medicinal”, com pena de “detenção, de um a três anos, e multa”.

Em caso de flagrar alguém com linhas de cerol, é importante entrar em contato com a Polícia Militar pelo telefone 190.

Texto/Assessoria: Polícia Militar

Últimas postagens

Brusque registra o 64º óbito relacionado a Covid-19

Brusque registra o 64º óbito relacionado a Covid-19 A Vigilância em Saúde informa o 64º óbito por Covid-19 em Brusque. Trata-se de um homem de...

COVID-19: Boletim epidemiológico de 27 de novembro

Brusque registrou nas últimas 24 horas 307 novos casos de Covid-19. Agora, a cidade conta com 8.692 pessoas que já contraíram a doença. Deste...

Com rua Poço Fundo interditada, condutores de veículos terão duas opções

Na segunda-feira (30) reiniciam as obras na rua Poço Fundo, onde será feito drenagem, pavimentação asfáltica e passeio. Devido às obras, a rua ficará...

Hospital Azambuja firma parceria com Unimed Brusque para atendimento de clientes sintomáticos respiratórios

O Hospital Arquidiocesano Cônsul Carlos Renaux (Hospital Azambuja) firmou nesta semana, uma parceria com a Unimed Brusque, com o objetivo de atender os clientes...

Endorfina – Resultado sorteio 27 de novembro.

Pizza grande, 3 sabores (tradicionais), da Ramalhone Pizzaria: ***Ganhadora: Sirlei Aparecida B. F. Feitosa***
Publicidade
WhatsApp chat