Covid-19: Secretaria de Saúde explica protocolo medicamentoso

Publicidade
Utilidade pública

Desde o dia 23 de março a Prefeitura de Brusque mantém o Centro de Triagem para Sintomáticos Respiratórios, montado no pavilhão da Fenarreco. Os pacientes acolhidos no local, que é exclusivo para pessoas que apresentam sintomas como febre, tosse, dor de cabeça ou falta de ar, recebem medicação de acordo com a sintomatologia apresentada.

“Os sintomas são muito variados, há pessoas que apresentam sintomas leves, moderados, outros graves. A Covid-19 não possui uma sintomatologia única. Nosso protocolo inclui anti-inflamatório, analgésico, antibiótico, corticoide. Tudo vai depender de como o paciente chega”, explica a diretora-geral de Saúde, Camila Pereira.

Paciente com sintomas leves é medicado e orientado ao isolamento social. “Se ainda não há dias suficientes desde o início dos sintomas, ele é orientado a retornar para coleta do exame RT-PCR. Em casos graves, as pessoas são encaminhadas diretamente para o hospital”, detalha.

“É importante ressaltar que não há um protocolo único estabelecido pela Anvisa, a respeito de medicamento. Há recomendação do uso de cloroquina, há recomendação do uso da ivermectina, mas não há comprovação sobre nenhum deles. Não há um tratamento específico validado pela Anvisa, o que há são recomendações por experimentos assertivos”.

“Orientamos que as pessoas que possuam sintomas respiratórios, que procurem o CT, pois o médico vai fazer a avaliação completa e o paciente já sai com o encaminhamento. Quanto mais precoce o tratamento, maiores as chances de cura ou do não agravamento da doença.

O Centro de Triagem para Sintomáticos Respiratórios atende de segunda a sexta-feira, das 7h às 19h, e nos finais de semana, das 8h às 17h.

Publicidade
Últimas notícias

Dois apostadores dividem prêmio da Mega-Sena

Duas apostas acertaram as seis dezenas do concuros 2.410 da Mega-Sena, sorteadas pela Caixa na noite de sábado (18)...
Publicidade
WhatsApp chat