Ocorrências de trânsito em Guabiruba são analisadas em pesquisa desenvolvida na UNIFEBE

Segurança viária, mobilidade urbana, educação no trânsito e políticas públicas são alguns dos temas abordados na pesquisa

Outras notícias da semana

Ações e atribuições da Procuradoria Geral, foram temas de entrevista com Dr. Edson Ristow, Procurador Geral de Brusque

Na manhã deste sábado, 27, o Jornal da Diplomata destacou entrevista especial com Dr. Edson Ristow, Procurador Geral do Munícipio de Brusque. Na oportunidade...

Brusque apresenta nova marca e novo uniforme para a temporada de 2021

Em evento realizado na noite desta segunda-feira (22), no Centro Administrativo da Havan, o Brusque FC anunciou a sua marca própria que se chama...

A Prefeitura de Guabiruba informa o Boletim Epidemiológico desta quinta-feira, 25

21 novos casos foram confirmados por teste Antígeno, teste rápido e em laboratório particular, sendo 11 mulheres e dez homens. Ao total, Guabiruba registra...

Programa da Hora destacou obras de construção e previsão de inauguração do Centro de Inovação Tecnológico de Brusque

As obras de construção e a perspectiva de inauguração do Centro de Inovação Tecnológico de Brusque foi assunto de entrevista ao vivo na manhã...

Analisar as ocorrências de trânsito em Guabiruba e a partir disso propor planos de ações de mobilidade e modificações urbanas na cidade, é o principal objetivo da pesquisa realizada pelo Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE), em parceria com o município.

A proposta de trazer a realidade de uma cidade para dentro da universidade surgiu em uma conversa entre os coautores do projeto, o professor Anderson Buss e a arquiteta e urbanista da Secretaria de Planejamento Urbano de Guabiruba, Débora Carolina Silveira Battaglini Barroero.

Foi pela necessidade de dados para a tomada de decisões e para subsidiar a elaboração do Plano de Mobilidade Urbano, que será executado no município, que os coautores decidiram pesquisar sobre o assunto. A análise das ocorrências de trânsito em Guabiruba, em 2019, vem sendo realizada pelos coautores e pela acadêmica da 10ª fase de Engenharia Civil da UNIFEBE, Larissa Ignês Boos, residente do município, desde abril deste ano.

De acordo com o orientador, a ideia é concluir a pesquisa em dezembro, para que seja apresentado em forma de artigo científico o compilado das informações. Até o momento, os pesquisadores verificaram possíveis fatores influenciadores nas ocorrências registradas, como ciclo faixas, influência de obras e o número da frota veicular do município em relação ao número de acidentes

Por meio da compilação está sendo possível organizar os dados e elaborar gráficos e tabelas com os índices de ocorrências de trânsito registradas entre 2009 e 2019. “Esse registro e análise é fundamental para subsidiar decisões e políticas públicas. Sem dados não há histórico, e dessa formar será possível demonstrar as principais causas e conscientizar a população, realizando ações voltadas à educação no trânsito, por exemplo”, salienta a arquiteta e urbanista da Secretaria de Planejamento Urbano de Guabiruba, Débora Carolina Silveira Battaglini Barroero.

Para o professor da UNIFEBE é fundamental aproximar a universidade de assuntos diretamente ligados aos cidadãos e à cidade. “Estimular e incentivar a produção de pesquisas técnicas, com o objetivo de pôr em prática assuntos discutidos durante o curso de graduação proporciona aos estudantes aplicarem seus conhecimentos em prol da sociedade, além de contribuir para a realização de futuras melhorias aos lugares onde vivemos”, enfatiza Anderson Buss.

A sugestão de trabalhar a temática na cidade foi fomentada na 5ª edição do Workshop de Mobilidade Sustentável, realizado em 2019, entre os alunos da UNIFEBE e da Universidade de Karlsruhe. Na ocasião, os estudantes pesquisaram alternativas para melhorar os acessos entre Brusque e Guabiruba.

“Os workshops têm instigado novas pesquisas na área de mobilidade urbana e isso tem trazido muitos resultados positivos, e esse é o nosso objetivo, estimular os estudantes a terem esse olhar crítico e a buscarem um futuro melhor”, conclui a supervisora de Pesquisa e Internacionalização da UNIFEBE, professora Rafaela Bohaczuk Venturelli Knop.  

Últimas postagens

Matriz de Risco aponta todas as regiões em estado gravíssimo em SC

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste sábado, 27, os dados da Matriz de Risco Potencial em relação ao novo coronavírus. Pela nova...

Forças de segurança fiscalizam cumprimento de novo decreto do Governo do Estado

As forças de segurança de Santa Catarina trabalham de forma intensificada desde as 23h desta sexta-feira, 26, para garantir o cumprimento das novas medidas...

Covid-19: Boletim epidemiológico sábado (27-02)

O novo boletim epidemiológico, divulgado neste sábado (27), aponta que Brusque tem 17.370 casos confirmados da covid-19. Nas últimas 24 horas foram registrados 57...

Cartão Perdido

Foi perdido um cartão da Ailos (cor verde), da Viacred, no trajeto entre o Posto São Lucas até a rua da Marmoraria Erbs, em...

Documentos perdidos

Leda Maria Corrêa da Silva perdeu carteira contendo todos os seus documentos nas proximidades do Archer – loja 2, no bairro Águas Claras. Quem...
Publicidade
WhatsApp chat