Brusque recebe primeiro lote de vacinas da Pfizer

Imunizante começa a ser ofertado aos grupos prioritários nesta terça-feira, dia 25

Publicidade
Utilidade pública

Chegaram a Brusque no final da manhã desta segunda-feira (24), as 2.340 doses do primeiro lote de vacinas contra a Covid-19 da Pfizer. Apenas 11 cidades catarinenses foram contempladas com o imunizante.

Agora no período da tarde, os vacinadores dos dois Centros de Vacinação, na Unifebe e Uniasselvi, estão recebendo uma capacitação para o melhor aproveitamento da vacina Pfizer, que tem parte da sua composição em forma de pó e exige preparo e diluição diferenciados em relação às vacinas até então utilizadas, Coronavac/Butantan e AstraZeneca/Fiocruz, que são inteiramente líquidas.

A vacina da Pfizer começa a ser ofertada aos grupos prioritários, incluindo gestantes e puérperas com comorbidades, nesta terça-feira (25).

Integram, ainda, os grupos prioritários a população com comorbidade e portadores de deficiência, a partir de 18 anos de idade; pessoas com doença renal crônica que fazem hemodiálise, a partir de 18 anos; transplantados a partir de 18 anos; pessoas com deficiência cadastradas no BPC a partir de 18 anos, idosos acima de 60 anos e profissionais de saúde.

A relação completa dos grupos prioritários e de comorbidades estabelecidas pelo Ministério da Saúde e Secretaria de Estado da Saúde pode ser consultada na página inicial do site de agendamentos do município: https://agendamentos.smsbrusque.sc.gov.br/.

Quem tiver dificuldade para efetuar o cadastro no meio eletrônico, pode se dirigir à sua Unidade Básica de Saúde de referência para receber o devido apoio.

A vacinação é realizada conforme a disponibilidade de atendimento nos Centros de Vacinação e a disponibilização de novas doses para o município.

No ato da vacina, para fins de comprovação, é necessário apresentar cópia de receita de uso contínuo ou declaração do médico, ou enfermeiro, que serão retidas no ato da vacinação para arquivo.

É obrigatório ainda apresentar documento com foto, comprovante de residência, cartão do SUS e comprovação do direito à vacina. Portadores de deficiência também precisam ter em mãos a carteira de deficiente, que serve como documento de comprovação junto aos demais documentos de identificação e residência.

Em Santa Catarina, estão sendo contemplados no momento com a vacina da Pfizer os seguintes municípios: Blumenau (3.510 doses), Brusque (2.340), Criciúma (3.510), Biguaçu (1.170), Palhoça (1.170), São José (2.340), Balneário Camboriú (2.340), Itajaí (3.510), Jaraguá do Sul (2.340), Joinville (2.340) e Tubarão (1.170 doses).

Fonte: Secom Brusque.

Publicidade
Últimas notícias

Polícia Civil recupera televisão e notebook furtados em residência

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Furtos e Roubos de Brusque, recuperou uma televisão e um notebook,...
Publicidade
WhatsApp chat