Assinada a ordem de serviço para Macrodrenagem das ruas João Bauer e Felipe Schmidt

Publicidade
Utilidade pública

Uma das mais esperadas obras que objetivam minimizar os efeitos das enxurradas na região central de Brusque vai se tornar realidade. Foi assinada pelo Prefeito Ari Vequi, na tarde desta quinta-feira (16), a ordem de serviço para a execução da Macrodrenagem na bacia das ruas João Bauer e Felipe Schmidt, localizadas no centro da cidade. O prazo para a execução dos trabalhos é de oito meses, com investimento global de R$ 4 milhões.

A obra de macrodrenagem é de extrema importância para o cruzamento das duas vias, uma vez que é frequente ocorrer a obstrução do tráfego de veículos e pedestres, por conta das chuvas. O prefeito de Brusque, Ari Vequi, destacou a necessidade desse investimento. ”É uma obra que há anos a cidade reivindica que é a bacia da Felipe Schmitt e João Bauer. Todas as enxurradas de verão acontece a paralização do trânsito nesta localidade, é uma área central na cidade e que já precisava deste investimento há muito tempo,” disse.

O projeto da obra prevê o assentamento de galerias pré-moldadas de concreto armado. A drenagem vai iniciar no rio Itajaí Mirim e seguir até as imediações da rua João Bauer, nas proximidades da Prefeitura, com galerias em toda a extensão, para minimizar os efeitos das enxurradas, que se constituem no maior problema verificado no cruzamento das ruas João Bauer e Felipe Schmidt.

“Na saída, no Rio Itajaí-Mirim, a obra vai ter galeria de dois por dois metros de diâmetro, que seguirão na rua de barro até encontrar a João Bauer, no enrocamento da rua Barão do Rio Branco, detalha a secretária de Infraestrutura Estratégica, Andréa Patrícia Volkmann.

Na sequência, segundo ela, as galerias continuarão no entroncamento das ruas Felipe Schmidt e João Bauer até o trecho onde irá para a rua Guilherme Niehbur, ponto onde há a maior concentração de alagamentos. “A partir deste ponto, as galerias serão de 2,5 por 1 metro de diâmetro até chegar à Prefeitura”, acrescenta a secretária.

Desafios
Por estar na área central a obra encontra alguns desafios, principalmente com relação ao trânsito, por isso, desde já é importante que a população fique atenta quando do início das obras e redobre a atenção nos locais que vão estar sinalizados.

Publicidade
Últimas notícias

Homem é preso pela Polícia Civil por crime de tráfico de drogas, no bairro Azambuja

No início da tarde desta segunda-feira, 25, a Polícia Civil, por intermédio da Divisão de Investigação Criminal de Brusque,...
Publicidade
WhatsApp chat