UNIFEBE fará a revisão do Plano Diretor de Brusque

Publicidade
Utilidade pública

O Centro Universitário de Brusque (UNIFEBE) será a instituição responsável por fazer a revisão do Plano Diretor do município de Brusque. O contrato de prestação de serviço técnico foi firmado nesta quinta-feira (18), e contou com a presença do prefeito Ari Vequi e da reitora da instituição, professora Rosemari Glatz. A partir de agora, a UNIFEBE, por meio do Laboratório Urbanorama, terá 18 meses para revisar a legislação vigente e apresentar a nova proposta de Plano Diretor.

De acordo com a reitora, para a revisão do Plano Diretor de Brusque, a UNIFEBE montou uma equipe multidisciplinar de professores, mestres e doutores dos cursos de Arquitetura e Urbanismo, Engenharia Civil, Administração, Ciências Contábeis, Direito, Psicologia e Pedagogia. Além disso, a instituição abrirá cinco vagas de estágio, para que os acadêmicos interessados possam participar de todo processo.

A revisão do Plano Diretor ocorrerá em quatro etapas distintas. A primeira com foco na definição da proposta metodológica a ser adotada pela equipe. Em seguida, os responsáveis farão o levantamento do maior número de dados necessários. Com as informações em mãos, a equipe fará um diagnóstico da realidade urbana, socioeconômica, ambiental, físico-espacial, histórico-cultural e imobiliária, para na sequência, sugerir propostas para o planejamento da cidade em curto, médio e longo prazo.

“Brusque cresceu muito nos últimos anos, e as projeções são ainda maiores. Nesse sentido que a revisão do Plano Diretor se faz tão necessária neste momento. Poder contar com o apoio da UNIFEBE, com o conhecimento dos professores e dos estudantes, é ter a certeza de que os próprios brusquenses, que conhecem a nossa realidade, construirão esse projeto de uma Brusque que queremos para o nosso futuro”, salienta o prefeito.

Durante a revisão, a população será envolvida na elaboração das propostas. Para isso, serão realizadas oficinas nos bairros e audiências públicas abertas à comunidade. Por fim, a equipe fará a redação final da proposta de lei, que será entregue ao poder executivo municipal, para encaminhamento à Câmara de Vereadores.

“A confiança da prefeitura na UNIFEBE é o reconhecimento da qualidade dos nossos profissionais e dos nossos alunos. E é também mais uma oportunidade de fortalecermos esses vínculos entre a universidade, o poder público e a própria comunidade, tudo isso, primando pela formação de excelência dos nossos acadêmicos, que encontram na própria universidade a prática de suas profissões, participando ativamente da cidade onde vivem”, complementa a reitora da UNIFEBE, professora Rosemari Glatz.

O ato de entrega foi realizado no gabinete do prefeito e contou com a participação do secretário da Fazenda e Gestão Estratégica, William Molina, do diretor-presidente do Instituto Brusquense de Planejamento – IBPLAN, Leonardo Schmitz, do diretor de planejamento urbano do IBPLAN, André Felipe Bozio, e do professor da UNIFEBE, Karol Carminatti. 

O Plano Diretor

É um documento norteador, que visa propiciar melhores condições para o desenvolvimento integrado e harmônico e o bem-estar social da comunidade de Brusque, atendendo as aspirações da população e direcionando as ações do Poder Público e da iniciativa privada.

O Laboratório Urbanorama

Criado pela UNIFEBE com o intuito de atender uma demanda da própria sociedade, o Urbanorama é um laboratório de serviços, treinamentos e pesquisa na área de urbanismo, mobilidade e território, áreas em que a instituição quer se tornar referência para Brusque e região.

O professor e idealizador do Urbanorama, Karol Carminatti, explica que o laboratório surgiu com a intenção de trabalhar com alunos, professores, profissionais já formados, empresas e governos uma série de ações, pensadas para transformar o conhecimento da universidade em soluções para problemas relacionados com território e com as cidades.

“A revisão do Plano Diretor de Brusque é o primeiro serviço do Urbanorama, esse laboratório que foi estruturado para prestarmos serviços, desenvolvermos ações educativas e pesquisas. Um espaço para os alunos fazerem estágios e se aprofundarem em questões que envolvem o urbanismo, mobilidade e território”, destaca Karol. 

Publicidade
Últimas notícias

Destaques da sessão da Câmara de Vereadores de Brusque nesta terça-feira, 28

A sessão da Câmara de Vereadores nesta terça-feira, 28, foi marcada por um debate em face da publicação de...
Publicidade
WhatsApp chat