Jogador do FK Banga da Lituânia faz reabilitação esportiva em Brusque

Maurício Pinto é brusquense e voltou ao Brasil para tratar lesão no tornozelo na Fibra Fisio

Publicidade
Utilidade pública

Há dois meses em uma dividida de bola em um jogo pelo Campeonato Lituano de Futebol (A Lyga) o zagueiro do FK Banga, Maurício Pinto, 25 anos, sofreu uma entorse no tornozelo direito. Nos dias seguintes ele até iniciou alguns exercícios para corrigir o problema, mas sem muito sucesso. Esperou terminar a temporada e veio ao Brasil, para realizar sua reabilitação esportiva na Fibra Fisio, considerado o maior centro de fisioterapia e reabilitação esportiva do país.

O atleta é brusquense e atua há pouco mais de seis meses no Futbolo Klubas Banga. Com passagens em times como o Brusque Futebol Clube, Metropolitano e Operário (MS), Maurício aceitou o desafio de jogar no time europeu neste ano de 2021.

No início de dezembro ele retornou a Brusque com foco em sua reabilitação. O atleta tem um mês para realizar os melhores tratamentos aqui, para retornar à Lituânia em janeiro. Ele ficou impressionado com a estrutura da Fibra Fisio e com os tratamentos propostos. “Nunca havia presenciado uma estrutura tão grande e completa quanto aqui na Fibra Fisio, com tantos equipamentos e tratamentos. Mesmo estando em um país europeu, não havia uma estrutura assim lá”, revela o jogador, que aproveita o momento para rever a família e os amigos de Brusque.

“Maurício veio tratar uma lesão que chamamos de tardia, ou seja, como ele se machucou há dois meses e não havia uma estrutura de fisioterapia lá, ele esperou o término da temporada para fazer o tratamento aqui no Brasil. Hoje, nosso país é referência em fisioterapia no mundo”, explica a fisioterapeuta e sócia da Fibra Fisio, Dra. Daine Paza.

O atleta em processo de recuperação no desenvolvimento de atividades com os profissionais da Fibra Fisio. (Imagem: Comunicar)

Como ele precisa de uma recuperação rápida, com treinos previstos já no mês de janeiro, a reabilitação é mais intensiva para recuperação e melhor resultado. “Por ser uma lesão tardia, que não foi tratada, começamos a reabilitação do zero. Como ele é atleta, posso exigir muito mais dele, já que não há quadro de edema”, enfatiza.

Maurício tem realizado duas sessões a cada dia de tratamento. Sua reabilitação esportiva tem ênfase na parte de propriocepção, equilíbrio e força, a fim de que ele consiga fortalecer o tornozelo para voltar a treinar sem sentir dor e reduzir o risco de repetir este tipo de entorse. “Além da reabilitação funcional, fazemos toda parte de ultrassom e laser para aumentar o processo de regeneração do ligamento do tornozelo”, complementa Dra. Daiane.

Sobre os desafios em atuar no FK Banga, Maurício conta que conseguiu se adaptar nesse período. “É um país bom de se morar e estou aperfeiçoando o inglês que eles também entendem, embora as línguas predominantes sejam o lituano e o russo. Há muitos brasileiros que moram lá, muitos jogadores e para mim é uma grande oportunidade. Quando cheguei o campeonato já tinha começado, mas eu consegui participar de muitos jogos e acabei me destacando”, comenta o jogador.

O Futbolo Klubas Banga foi fundado em 1965. É um time da cidade de Gargždai, situada no Condado de Klaipėda.

Publicidade
Últimas notícias

Brusque Basquete larga com vitória na Taça FCB; jogos seguem no final de semana

A equipe do Brusque Basquete/FME/Aradefe estreou com vitória na Taça FCB de Basquete Adulto. Jogando na Arena Brusque, o...
Publicidade
WhatsApp chat