Brusque recebe autorização do Cofiex para financiamento de US$ 30 milhões

A autorização para o financiamento de US$ 30 milhões por meio do Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata) é inédita e foi oficializada na última reunião do colegiado em 2021, ocorrida em 13 de dezembro

Publicidade
Utilidade pública

O ano de 2022 começa com a cidade de Brusque celebrando uma importante conquista. A Comissão de Financiamentos Externos (Cofiex) do Ministério da Economia aprovou pela primeira vez uma captação internacional do município. A autorização para o financiamento de US$ 30 milhões por meio do Fundo Financeiro para Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata) é inédita e foi oficializada na última reunião do colegiado em 2021, ocorrida em 13 de dezembro. O foco da captação será o desenvolvimento do Programa Brusque 2030 e terá como prioridade o abastecimento de água e a infraestrutura urbana da cidade.

O financiamento prevê contrapartida na ordem de US$ 7 milhões, fazendo com que o investimento total fique acima de US$ 37 milhões. A proposta foi construída em parceria pela Secretaria de Fazenda e Gestão Estratégica e a Secretaria de Infraestrutura Estratégica, ficando entre os 13 projetos selecionados, ao lado de capitais, Estados e própria União.

“Ficamos muito felizes, pois demonstramos a capacidade Brusque em desenvolver grandes projetos. Operações dessa magnitude nunca haviam sido realizadas em nossa cidade e não se sustentam apenas demonstrando nossa capacidade de pagamento. Trabalhamos muito em cooperação entre diversas áreas. Todo o planejamento foi fundamental para este importante passo”, destaca o Diretor Geral de Gestão Estratégica, Thomas Haag.

O sinal verde da comissão do governo federal dá início à preparação do financiamento. Essa fase é considerada estratégica para a liberação dos recursos e consiste em uma série de etapas para a aprovação final do programa. A expectativa é concretizar a operação no decorrer do primeiro semestre de 2022.

As obras a serem executadas com os recursos do Fonplata são a ETA Cristalina, a continuidade da Beira-Rio Dom Joaquim – que vai desde o Maluche até o bairro Dom Joaquim, toda completa como foi feita na margem esquerda, com canal extravasor; o novo acesso da Limeira, a drenagem do Rio Limeira, além de outras ações menores.

Publicidade
Últimas notícias

Sala do Empreendedor de Brusque concentra todos os serviços disponibilizados ao MEI

A Sala do Empreendedor – uma parceria entre o Sebrae SC e Prefeituras Municipais, foi criada para auxiliar a...
Publicidade
WhatsApp chat