Prefeito Ari Vequi assina convênio para o repasse de R$ 140 milhões para Brusque

Plano 1000 do governo de Santa Catarina, transfere para os municípios, o equivalente à R$ 1 mil para cada habitante a serem aplicados em obras de infraestrutura

Publicidade
Utilidade pública

A prefeitura de Brusque receberá nos próximos cinco anos mais de R$ 140 milhões de reais do Governo do Estado de Santa Catarina para obras de infraestrutura e de mobilidade urbana. O convênio entre a prefeitura e o executivo estadual foi assinado na tarde desta segunda-feira (31) no Palácio da Agronômica em Florianópolis, entre o prefeito Ari Vequi e o governador Carlos Moisés da Silva.

Com o nome de Plano 1000, o projeto visa a transferência do equivalente à R$ 1 mil reais para cada habitante, para os 70 maiores municípios do estado, mediante a apresentação de projetos para obras e intervenções que possam ter um impacto diretamente na vida dos catarinenses.

Segundo Ari Vequi, os primeiros projetos a serem contemplados no Plano 1000 já estão definidos. “A continuação das avenidas Governador Luiz Henrique da Silveira e Bepe Rosa (Beira Rio margens esquerda e direita), com o anel viário interligando as rodovias Antônio Heil (SC 486) e Ivo Silveira (SC 108), vão permitir alavancar uma região que nos últimos anos vem ganhando um grande número de indústrias. Esse modal rodoviário e de infraestrutura interligando grandes rodovias, portos e aeroportos permitirão ampliar a capacidade econômica da cidade, atraindo ainda mais investimentos”, destaca o prefeito.

Outra ação é a revitalização, recapeamento e construção da terceira faixa de rolamento (onde possível) no trecho urbano da rodovia Antônio Heil, que corta o centro expandido de Brusque. “Este trecho vem recebendo ao longo dos últimos anos um tráfego pesado de caminhões e carretas de outras cidades, e em alguns pontos é necessário refazer todo o pavimento e esperamos com esses repasses, entregar também esta obra para melhorar a mobilidade urbana local e regional”, frisa Vequi.

Já o governador Carlos Moisés destacou que o Plano 1000 visa preparar Santa Catarina para o ano de 2040, motivando as prefeituras a investirem em projetos para investimentos que ultrapassam R$ 7,3 bilhões. “Esperamos com isso gerar emprego e renda para os catarinenses, seja na área da saúde, educação, segurança pública e infraestrutura. Nossa equipe de governo vai auxiliar os municípios para alavancar esses projetos”, declarou.

Na cerimônia o governo do Santa Catarina também assinou contrato com os municípios de Balneário Camboriú, Balneário Piçarras, Bombinhas, Camboriú, Navegantes, Penha e Porto Belo, totalizando R$ 527 milhões de reais.

Publicidade
Últimas notícias

Carlos Renaux intensifica preparação para a estreia na Série B neste domingo, 29

Nesta quarta-feira (25), os atletas do Renaux deram sequência na pré-temporada e preparação para a estreia no Catarinense Série...
Publicidade
WhatsApp chat