Mandril Catarina deixa Zoobotânico de Brusque

Publicidade
Utilidade pública

O Parque Zoobotânico de Brusque informa que nesta sexta-feira (03), a mandril Catarina deixará a instituição. O animal nasceu no parque em 2010. Sua mãe, Carmina, morreu há cerca de cinco anos, e o pai, Katuly, faleceu no começo deste ano. Logo, pelo fato de ser um primata que tem como característica viver em bando, a equipe técnica do Zoo decidiu que seria melhor para o animal estar em convívio com outros de sua espécie.

“O Zoobotânico de Brusque sente muito pela saída de Catarina. Porém, para seu bem-estar animal, é de extrema importância que fique em grupo. Sentiremos muitas saudades, já que ela nasceu no nosso Zoo”, comenta o diretor do Zoobotânico, Carlos Alexandre Reis.

O novo lar da Mandrillus Spihx será o Zoobotânico de Bauru. Já o recinto em que Catarina viveu até agora, no Zoo de Brusque, passará por uma reforma para depois receber outra espécie.

Publicidade
Últimas notícias

Hospital Azambuja alerta nova modalidade de golpe em nome da instituição

O Hospital Azambuja alerta a população de Brusque e região para novas tentativas de golpes, utilizando o nome da...
Publicidade
WhatsApp chat