Carlos Renaux empata na estreia da Série B

Publicidade
Utilidade pública

O Carlos Renaux começou a sua caminhada no Catarinense Série B, com o objetivo do acesso a elite do futebol Catarinense. A estreia aconteceu fora de casa, contra o Atlético Catarinense, no Estádio Renato Silveira, em Palhoça. Em uma partida com muita chuva, o Renaux saiu na frente, mas levou o gol no segundo tempo, empatando a primeira partida no campeonato, pelo placar de 1 a 1.

Com o gramado pesado, o jogo começou com muitas faltas, e poucas oportunidades, aos 15, o Renaux chegou ao seu gol, após lançamento na ponta esquerda, o atacante Tchelé cruzou, a bola passou por todos na área, e sobrou na direita, para o lateral Luiz Renan que bateu de primeira, a bola desviou no zagueiro Theo e entrou. Terminando o primeiro tempo com vantagem para o Renaux.

Na segunda etapa, o lateral direito Luiz Renan, sentiu uma indisposição, e o jovem Arouca entrou no seu lugar, o time da casa voltou pressionando, aos 6, conseguiu o empate, em uma cobrança de falta frontal, Léo Campos acertou o canto direito de Denison. A partida seguiu com as duas equipes buscando o gol, e os goleiros se destacando. O técnico Reinaldo, para dar mais mobilidade ao Tricolor, promoveu as entradas na segunda etapa de Jô, Renatinho, Selthon e Palacios.

Na reta final da partida, ainda teve três expulsões, aos 43, o volante Milton do Renaux, levou o segundo amarelo e foi expulso, aos 49, uma expulsão injusta do zagueiro Neguete, após o defensor levar uma cotovelada do centroavante Wagnão, ao reclamar da atitude do atleta, o árbitro Jonathan Andrade, expulsou os dois, prejudicando o Tricolor, que terminou com nove jogadores em campo. Fim de jogo, em Palhoça, empate em 1 a 1, e o Carlos Renaux soma seu primeiro ponto.

O próximo jogo do Tricolor do Vale, no Catarinense Série B, será no domingo (5), contra o Caravaggio, partida em Indaial, no Ervin Blaese. O mando da partida é do Renaux, porém, como o clube precisa cumprir a punição de um jogo, vai jogar na cidade de Indaial.

Carlos Renaux: Deninson; Luiz Renan(Arouca), Cleyton, Neguete, Morassi; Milton (Jô), Diogo, Fio( Selthon), Tchelé( Renatinho); Adílio (Palacios) e Alex Bruno.

Técnico: Reinaldo Oliveira

Atlético Catarinense: Léo Lopes; André, Rafael Lima, Theo; Léo Campos, Lucas, Arthur, Lucas de Sá, Cadu; Carlos Alberto e Thiago Pato.

Técnico: Douglas Bazolli

Árbitro: Jonathan Andrade
Auxiliar 1: Alexandre Bittencourt
Auxiliar 2: Eder Sacco

Gols:
Atlético Catarinense: Léo Campos (06/2T)
Carlos Renaux: Luiz Renan (15/1T)

Público e Renda:
122 pagantes
R$ 1.800,00

Publicidade
Últimas notícias

Brusque é derrotada pelo Bahia por 2 a 0 no Augusto Bauer

O Brusque FC enfrentou o Bahia na noite desta terça-feira (28), no Augusto Bauer, pela 15ª rodada do Campeonato...
Publicidade
WhatsApp chat