13.5 C
Brusque
sábado, julho 13, 2024
InícioNotíciasSegurança PúblicaAcusado de homicídio em Brusque é condenado a pena de 12 anos

Acusado de homicídio em Brusque é condenado a pena de 12 anos

Data:

Publicidade

spot_img
spot_img
spot_img

Sessão por videoconferência ocorreu na manhã desta quarta-feira, e a sentença foi divulgada no início da tarde

Um homem que aguardava decisão judicial retido na Penitenciaria do Espirito Santo foi submetido à júri popular e condenado a 12 anos de reclusão, em regime inicial fechado, nesta quarta-feira (6), no Fórum da Comarca de Brusque, em sessão presidida pelo juiz de Direito da Vara Criminal, Dr. Edemar Leopoldo Schlöesser.

Submetido a julgamento popular em sessão no Tribunal do Júri da Comarca de Brusque, Cláudio Batista dos Santos, vulgo Claudinho, foi condenado a doze anos de prisão, em regime inicial fechado. Foi imputado ao réu a prática do crime de homicídio duplamente qualificado, por motivo fútil e pelo emprego de asfixia, tendo como vítima Antoniel Praxedes de Oliveira.

O crime aconteceu em 2014 e a motivação não foi suficientemente esclarecida no processo. Supostamente teria sido um desentendimento do réu e da vítima envolvendo a compra e venda de substâncias entorpecentes, o que levou o réu a estrangular o indivíduo com uma “cordinha”.

O acusado participou da sessão por videoconferência, pois está recolhido em Penitenciária Estadual de Vila Velha, no Espírito Santo, onde cumpre pena também pelos crimes de roubo e estupro.

O réu, que teve a prisão cautelar mantida, também foi condenado ao pagamento das custas processuais e teve o direito de recorrer em liberdade negado.

Fotos: Juliane Ferreira/Rádio Diplomata FM

Publicidade
WhatsApp chat