23.1 C
Brusque
domingo, abril 14, 2024
InícioNotíciasGeralMoradores do bairro Limeira Baixa vão à Alesc em busca de recursos...

Moradores do bairro Limeira Baixa vão à Alesc em busca de recursos para amenizar problemas com alagamentos

Data:

Publicidade

spot_img
spot_img
spot_img

Situação enfrentada nas ruas Tancredo Neves e fundos das ruas Angelo Tomazi e Luiz Maffezzolli motivou ida dos moradores ao Palácio Barriga Verde

Moradores do bairro Limeira Baixa estiveram em Florianópolis na terça-feira, 19 de março, para entregar a alguns parlamentares catarinenses um antigo anseio da comunidade, que sofre com alagamentos durante as cheias. Na Assembleia Legislativa (Alesc), os moradores Adriano Ramos, Joaquim Ferreira e Maicon Bernardo relataram aos deputados que o problema com alagamentos já ocorre há mais de 15 anos em algumas, o que causa ainda mais transtorno e indignação.

Com apoio de alguns vereadores, que também estavam na Alesc, os moradores levaram ofícios solicitando recursos a seus deputados aliados, e levaram, ainda, outros ofícios de diferentes vereadores da cidade, pleiteando recursos.

De acordo com os moradores, já há um projeto para as obras desde 2014, por isso, foi entregue o ofício da comunidade a vários gabinetes, principalmente, a parlamentares da região ou que tenha mais proximidade com a cidade.

Moradores durante a entrega da reinvindicação aos parlamentares. (Foto: Adriano Ramos/Divulgação)

“Em breve, faremos nova visita à Alesc a convite de alguns assessores parlamentares, que gentilmente nos atenderam e orientou a voltarmos num futuro breve pra tratar melhor sobre o assunto. Outros assessores se dispuseram a falar do assunto com o deputado assessorado que não estava presente, também junto ao Governador, para auxiliar no andamento do projeto de melhoria para a comunidade, visto que a obra passa de R$ 5 milhões para ser concluída nas principais  ruas informadas no projeto”, diz a comunidade.

As ruas Tancredo Neves, 24 de Julho e fundos das ruas Angelo Tomazi e Luiz Maffezzolli são as mais castigadas em épocas de cheias.

“Lembrando que os moradores buscaram recursos de diversos deputados, independente do partido político. O objetivo é conseguir recursos para solucionar o problema do bairro”, finalizou.

Fotos das ruas alagadas, que também estão anexas ao ofício entregue na Alesc. (Foto: Adriano Ramos/Divulgação)
Publicidade
WhatsApp chat