20.4 C
Brusque
segunda-feira, junho 17, 2024
InícioNotíciasEducaçãoObservatório Social inicia aplicação do programa Pequeno Cidadão com alunos da educação...

Observatório Social inicia aplicação do programa Pequeno Cidadão com alunos da educação infantil

Data:

Publicidade

spot_img
spot_img
spot_img

Todos os estudantes de cinco e seis anos de Brusque, Guabiruba e Botuverá serão beneficiados pelo programa em 2024

Nesta segunda e terça-feira, 6 e 7 de maio, alunos da Educação Infantil do Sesc Escola participaram do programa Pequeno Cidadão, realizado pelo Observatório Social de Brusque – OSB, por meio de convênio com Serviço Social da Indústria – SESI. Em 2024, todas as escolas públicas e privadas de Brusque, Guabiruba e Botuverá, que oferecem educação infantil, turmas entre 5 e 6 anos, receberão o programa.

Criado em 2018, o programa tem como objetivo chamar atenção dos alunos da Educação Infantil, para a importância social dos tributos, ensinando aos pequenos de forma lúdica como é feita a arrecadação e para onde vai este recurso. Durante cerca de três horas/aula, as turmas também aprendem sobre a importância do respeito às coisas públicas, localização geográfica e importância da nota/cupom fiscal, entre outros temas.

No ano de seu lançamento, o projeto piloto foi aplicado na Escola Sesi para uma turma de 25 alunos e, em 2019, passou por mais um teste em duas turmas do Colégio Cônsul Carlos Renaux, tendo sido aplicado para cerca de 50 alunos, e este ano, com aporte financeiro do SESI a iniciativa foi retomada.

De acordo com a Consultora Pedagógica de Educação Fiscal e Cidadania do OSB Brusque, Priscila dos Santos Petermann, o intuito da entidade é ter um programa do OSB em cada fase escolar para fortalecer os ensinamentos de educação fiscal e cidadania.

“Mesmo pequenos, os alunos já conseguem ter noção de como funciona a manutenção e os cuidados com aquilo que é público, que é de todos nós. A ideia do Observatório Social é ter programas que atendam todos os segmentos escolares. Então, agora a gente inicia com a Educação Infantil, fortalece com os programas que temos no Ensino Fundamental – como o Observador Social Mirim e o programa de contação de histórias “Era uma vez, uma semente do bem”. E depois temos o programa em parceria com a OAB no Ensino Médio”, explica a Consultora Pedagógica de Educação Fiscal e Cidadania, Priscila dos Santos Petermann.

Mercadinho e Medalha

Creme dental, iogurte, shampoo, desodorante… Eles têm pouca idade, mas já sabem o que querem comprar no mercado! E durante as atividades do programa Pequeno Cidadão, os alunos escolhem e brincam de faz de conta “comprando” produtos em um mercadinho.

Para as educadoras fiscais Rúbia dos Santos Rodrigues e Heloísa Leoni Lira, que aplicam o programa nas escolas nos períodos matutino e vespertino, respectivamente, o grande diferencial das aulas é a personalização da linguagem e dinâmicas, pensadas especialmente para a faixa etária das crianças.

“Tudo é muito lúdico, com roda de conversa e deixando as crianças explorarem os temas por meio de música, imagens e jogos. Trouxemos também a dinâmica do mercadinho, para eles manusearem o dinheirinho e entenderem na prática como funciona a dinâmica dos tributos”, ressalta Heloísa. 

No final da programação, todos os alunos sobem no pódio e recebem a medalha de “Pequeno Cidadão”. O presente é feito de papel semente e pode ser plantado pelas crianças e suas famílias.

Para a professora da turma de cinco anos do período vespertino do Sesc, Amanda Felício dos Santos, o projeto é muito interessante, pois trabalha matemática e geografia, além da cidadania que é tema da iniciativa. “Achei muito interessante a dinâmica, que de forma lúdica trouxe muitos conhecimentos. É uma ideia fantástica, que os alunos amaram”, avalia.

Fotos: Thayse Machado / Amplitude Comunicação
Publicidade
WhatsApp chat