Colisão entre carreta e ônibus mata quatro pessoas em trecho de serra na BR-470

Publicidade
Utilidade pública

Um grave acidente matou quatro pessoas e deixou pelo menos 16 feridos. A colisão entre um ônibus da Viação Catarinense e uma carreta-cegonheira com placas de São Paulo ocorreu por volta das 11h de sábado, 27, na BR-470, no trecho entre os municípios de Lontras e Ibirama – conhecido como Serra de São Miguel.

De acordo com a empresa de transportes, as vítimas são três passageiros e o motorista do ônibus. Os nomes divulgados pela Catarinense foram:

Gilberto Antunes Pereira – 41 anos – natural de Lages (motorista)

Gesebel Terezinha Schmidt – 51 anos – natural de Otacílio Costa

Salete Aparecida Schemes – 62 anos – natural de Serro Negro

Edileuza Vieira de Souza – 69 anos – natural de Água Branca, Alagoas

Colisão entre carreta e ônibus mata quatro pessoas em trecho de serra na BR-470
Colisão entre carreta e ônibus mata quatro pessoas em trecho de serra na BR-470 (Foto: Divulgação)

A empresa informou ainda que prestará toda assistência aos familiares e disse que vai colaborar com a investigação sobre as causas do acidente. O ônibus transportava 26 passageiros. Os 16 feridos foram encaminhados para os hospitais Regional de Rio do Sul e Miguel Couto, em Ibirma.

O ônibus seguia de Joinville para Lages. A carreta estava com a carroceria vazia. O motorista não teve ferimentos graves. Chovia no momento da colisão.

De acordo com nota da Polícia Rodoviária Federal à imprensa, a suspeita é de que a carreta fez um “L” na pista (dobrou a carroceria sob o eixo), no momento que descia a serra e fazia uma curva a direita. O trecho ficou interrompido e foi totalmente liberado por volta das 17h.  

Colisão entre carreta e ônibus
Colisão entre carreta e ônibus na BR 470 em Ibirama (Foto: Divulgação)
Publicidade
Últimas notícias

Presidente do comitê gestor do Centro de Inovação fala sobre ações para retomada das obras, em nova licitação

A presidente do comitê gestor de implantação do Centro de Tecnologia e Inovação, reitora Rosemari Glatz, falou ao Jornal...
Publicidade
WhatsApp chat