Reunião discute videomonitoramento em Brusque

Município ganhou 20 câmeras com tecnologia OCR que serão utilizadas para estudos de mobilidade e, também, para aumentar a segurança no perímetro urbano

Outras notícias da semana

Coronavírus em SC: Governo do Estado decreta fechamento de atividades não essenciais durante fim de semana

O Governo do Estado anunciou novo decreto nesta quinta-feira, 25, suspendendo o funcionamento de serviços não essenciais das 23h desta sexta-feira, 26 de fevereiro,...

Vereadores aprovaram projetos, requerimentos, pedidos de informação e uma moção na Ordem do Dia, em sessão legislativa

Reunidos em sessão ordinária nesta terça-feira, 23 de fevereiro, os vereadores de Brusque aprovaram projetos de lei, requerimentos, pedidos de informação e uma moção...

Justiça reconhece que Luciano Hang não realizou prática abusiva em favor de Ari Vequi

A Juíza Eleitoral, Clarice Ana Lanzarini, julgou improcedente a Ação de Investigação Judicial Eleitoral apresentada pelas coligações de Paulo Eccel (PT) e Ciro Roza...

Paróquia São Luís Gonzaga suspende missas abertas ao público

Em obediência ao novo decreto emitido nesta sexta-feira, 26 de fevereiro, pelo Governo de Santa Catarina, estão suspensas as celebrações abertas ao público neste...

O prefeito de Brusque, Jonas Paegle, acompanhado do vice-prefeito Ari Vequi, se reuniu, durante a tarde da última quarta-feira (15), com integrantes da sociedade civil organizada, da Secretaria Municipal de Trânsito e Mobilidade (SETRAM), do 18º Batalhão de Polícia Militar e da Polícia Civil.

Em pauta, os participantes deliberaram sobre a utilização de 20 câmeras digitais imbuídas com a tecnologia Optical Character Recognition (OCR), capazes de identificar placas veiculares, em pontos estratégicos do municípios. O Município de Brusque recebeu os equipamentos recentemente como doação do Distrito de Karlsruhe, objeto das “50 Parcerias Municipais para o Clima”.

Originalmente, as câmeras deverão ser utilizadas para estudos de mobilidade urbana. Porém, a administração municipal estuda a possibilidade de utilizá-las, também, como aparatos de segurança pública. “Junto com as entidades, chegamos a um denominador comum. Vamos unir o útil ao agradável, respeitando o principal objetivo do projeto conjunto com a Alemanha, e também dando uma atenção à importante questão do videomonitoramento”, ressalta o vice-prefeito de Brusque.

A ideia, conforme Vequi, é de que as entidades associativistas do município, como a Associação Empresarial de Brusque (Acibr) e a Câmara dos Dirigentes Lojistas (CDL), paguem a instalação das câmeras, enquanto a SETRAM irá realizar o custeio mensal dos aparelhos.

“Poderemos identificar, desta maneira, situações perigosas que se deslocam para Brusque. Estamos discutindo a segurança da cidade, mesmo sendo dever do estado, e isso é fundamental para o nosso futuro”, salienta o chefe do Poder Executivo municipal, Jonas Paegle.

Últimas postagens

Cartão Perdido

Foi perdido um cartão da Ailos (cor verde), da Viacred, no trajeto entre o Posto São Lucas até a rua da Marmoraria Erbs, em...

Documentos perdidos

Leda Maria Corrêa da Silva perdeu carteira contendo todos os seus documentos nas proximidades do Archer – loja 2, no bairro Águas Claras. Quem...

Ações e atribuições da Procuradoria Geral, foram temas de entrevista com Dr. Edson Ristow, Procurador Geral de Brusque

Na manhã deste sábado, 27, o Jornal da Diplomata destacou entrevista especial com Dr. Edson Ristow, Procurador Geral do Munícipio de Brusque. Na oportunidade...

Aneel mantém tarifa de bandeira amarela para março

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) informou hoje (26) que a bandeira tarifária permanecerá amarela no mês de março. Dessa forma, o consumidor...

Plano de contingencia do coronavírus será elaborado para enfrentamento da COVID-19

A prefeitura de Brusque, por meio da secretaria de saúde, vai elaborar um plano de contingência para o enfrentamento do aumento de casos de...
Publicidade
WhatsApp chat