DGI interdita trecho do canal estravasor e avalia taludes de concreto

Publicidade
Utilidade pública

Como medida de segurança, um trecho do canal estravasor será fechado pela prefeitura no fim da tarde desta sexta-feira, 31. Um dos motivos está relacionado a saída do nível do rio para pista na Avenida Bepe Roza e outro é a constatação de uma saturação na estrutura de terra armada no paredão próximo da Ponte Mário Olinger – a ponte do Corpo de Bombeiros, no trecho da Avenida Beira Rio.

O comunicado partiu da Secom – Secretaria de Comunicação Social, com base na avaliação feita pelo DGI – Departamento Geral de Infraestrutura. De acordo com os órgãos, técnicos do departamento avaliaram o quadro há poucos instantes.

DGI interdita trecho do canal estravasor e avalia taludes de concreto
DGI interdita trecho do canal estravasor e avalia taludes de concreto na Beira Rio (Foto: Divulgação)

“Face as recentes publicações disseminadas nas redes sociais, a Secretaria de Comunicação Social (Secom) informa que uma equipe do Departamento Geral de Infraestrutura (DGI) já realizou uma averiguação na estrutura de terra armada existente às margens da Beira Rio, proximidades da Rua França. Preliminarmente, foi constatado uma infiltração que resultou na saturação e expansão de terra, o que empurrou as placas para fora”, diz a nota.

Objetivando trazer segurança à população o Gabinete do Prefeito informa que:

– A Beira Rio será interditada da Associação Empresarial de Brusque (Acibr) até a Ponte do Trabalhador, a partir do momento que as águas do Rio Itajaí Mirim invadirem a estrada;

–  O trânsito de veículos na Rua França será feito de maneira local, restringindo a passagem de veículos pesados;

– Não há absolutamente nenhum risco envolvendo a estrutura da Ponte dos Bombeiros.

A Defesa Civil continua monitorando o quadro das chuvas.

Publicidade
Últimas notícias

Covid-19: Confira o boletim epidemiológico desta quarta-feira (23)

Nas últimas 24 horas, 62 novos casos da doença foram registrados em Brusque São 25.814 os casos confirmados de Covid-19...
Publicidade
WhatsApp chat