Sala do Empreendedor terá meta de abrir empresas em minutos, com atendimento centralizado

Publicidade
Utilidade pública

A Sala do Empreendedor promete trazer agilidade para abertura de empresas em Brusque. A meta do novo serviço, que integra o Programa Cidade Empreendedora, é realizar a abertura de novos empreendimentos em questão de minutos.

O ato de lançamento da Sala do Empreendedor foi realizado nesta quarta-feira na Câmara de Vereadores. Autoridades e representantes de entidades do setor econômico e do comércio prestigiaram a solenidade.

A Secretaria Municipal da Fazenda coordena o programa em parceria com o Sebrae-SC e a próxima intervenção, das 35 previstas no prazo de dois anos, será a homologação da Lei de Desburocratização, em conformidade com a Medida Provisória de Liberdade Econômica do Governo Federal.

Diretor geral da Secretaria da Fazenda, Guilherme Ouriques, no lançamento da Cidade Empreendedora
Diretor geral da Secretaria da Fazenda, Guilherme Ouriques, no lançamento da Cidade Empreendedora

“Esse projeto vai reduzir drasticamente a quantidade de documentos e a velocidade de abrir uma empresa, no estado da arte (mais alto nível de desenvolvimento) é estar com o alvará em 15 minutos depois da sua abertura, mas, o projeto da Sec. da Fazenda é abrir a empresa assim que se tiver o CNPJ”, frisou diretor geral da Secretaria da Fazenda, Guilherme Ouriques.

A Sala do Empreendedor funcionará na prefeitura, junto ao setor de tributação – pela rampa de acesso ao prédio do Poder Executivo.

O novo serviço centralizará profissionais e três servidores dos principais órgãos públicos envolvidos no processamento de informações para abertura de empresas, como: Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda; Corpo de Bombeiros; Fundação Municipal do Meio Ambiente – Fundema; Vigilância Sanitária; Secretaria da Fazenda; Instituto Brusquense de Planejamento – IBPLAM e Junta Comercial do Estado de Santa Catarina – Jucesc.

Autoridades e representantes de entidades do setor econômico e do comércio prestigiaram o lançamento
Autoridades e representantes de entidades do setor econômico e do comércio prestigiaram o lançamento

“É um programa de dois anos e vamos ter muito trabalho pela frente, para tornar a nossa cidade e região atrativa para os investidores”, destacou o diretor regional do Sebrae, Alcides Sgrott.

Os processos para microempreendedores (MEI) podem ser feitos pela internet, por meio do link da Secretaria da Fazenda no site da Prefeitura de Brusque. Empreendimentos de médio e grande porte podem de fazer o rito por meio das empresas contábeis, também pelo passo a passo digital.

As próximas ações já em fase elaboração são:

Municípios em Números

Compras Públicas

Plano de Desenvolvimento Econômico

Plano de Turismo

Publicidade
Últimas notícias

Câmara de Guabiruba realiza a primeira sessão ordinária de agosto, após período de recesso

Na noite de terça-feira, 03, ocorreu sessão ordinária na Câmara Municipal de Guabiruba, a primeira de agosto após o...
Publicidade
WhatsApp chat