Cadáver masculino é encontrado no rio; corpo está no IML e aguarda reconhecimento

Sem sinais de violência, cadáver passa por perícia para identificar as causas da morte

Outras notícias da semana

Planejamento de retorno as aulas presenciais é tema de entrevista com a Coordenadora do Comitê de Contingenciamento da COVID 19

Portarias publicadas no sábado (21) são válidas para escolas das redes municipais e privada. Na rede estadual, retorno está suspenso por determinação judicial. Das 16...

COVID-19: Boletim epidemiológico de 28 de novembro

Brusque registrou nas últimas 24 horas 173 novos casos de Covid-19. Agora, a cidade conta com 8.865 pessoas que já contraíram a doença. Deste...

Com rua Poço Fundo interditada, condutores de veículos terão duas opções

Na segunda-feira (30) reiniciam as obras na rua Poço Fundo, onde será feito drenagem, pavimentação asfáltica e passeio. Devido às obras, a rua ficará...

Guabiruba divulga programação de Natal

Como forma de encerrar as atividades deste ano, a Fundação Cultural de Guabiruba vai exibir um grande programa especial de Natal pelas redes sociais...

Um corpo de um homem, ainda não identificado, foi localizado preso a galhos embaixo da ponte Mário Olinger (Ponte dos Bombeiros) na manhã deste domingo, 22 de dezembro.

Era por volta de 5h50 quando um pescador avistou o corpo no Rio Itajaí-Mirim e foi até a base do Corpo de Bombeiros pedir ajuda. Ao chegar até o local indicado, os profissionais encontraram o corpo boiando no rio, em avançado estado de putrefação, o que indica que já está em óbito há cerca de dois dias.

O corpo foi retirado do rio por mergulhados do Corpo de Bombeiros, pela Avenida Bepe Rosa (margem direita), e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Brusque pelos profissionais do Instituto Geral de Perícias (IGP). A Polícia Militar também auxiliou no atendimento. Sem sinais de violência aparente, o corpo passa por perícia para identificar a causa da morte.

Corpo aguarda identificação no IML

Ainda sem identificação da identidade no IML, o cadáver aparenta ter entre 20 e 30 anos, possui tatuagens e alargadores nas duas orelhas. O Instituto Médico Legal aguarda identificação para posterior liberação do corpo.

Sem sinais de violência, cadáver passa por perícia para identificar as causas da morte. (Foto: Pedro Paulo Angioletti / Especial)
Sem sinais de violência, cadáver passa por perícia para identificar as causas da morte. (Foto: Pedro Paulo Angioletti / Especial)

Últimas postagens

Confira o boletim epidemiológico desta segunda-feira, 30 de novembro

A Vigilância em Saúde de Brusque registrou 201 novos casos confirmados de Covid-19 na cidade, nas últimas 24 horas. Conforme o último boletim epidemiológico...

Sessão ordinária desta terça-feira, 1º de dezembro, será online

A Câmara Municipal de Brusque informa que a sessão ordinária desta terça-feira, 1º de dezembro, será realizada em ambiente virtual de deliberação, conforme previsto...

Polícia Civil prende homem por tráfico de drogas no bairro Azambuja

No início desta tarde desta segunda-feira,30, policiais civis da Divisão de Investigação Criminal de Brusque realizaram a prisão de um traficante no bairro Azambuja. Na...

Carro e ônibus colidem na Sete de Setembro

O SAMU foi acionado para um acidente na manhã desta segunda-feira, 30. A colisão envolveu um carro e um ônibus, na rua Sete de...

Guabiruba divulga programação de Natal

Como forma de encerrar as atividades deste ano, a Fundação Cultural de Guabiruba vai exibir um grande programa especial de Natal pelas redes sociais...
Publicidade
WhatsApp chat