Publicidade

Farmácia Básica Central terá atendimento até às 20h30

A Farmácia Excepcional, que atua na entrega de medicamentos de alto custo e demandas judiciais continua atendendo das 8h as 12h e das 13h as 17h, no mesmo local.

Outras notícias da semana

Visando ampliar ainda mais o acesso da população aos medicamentos distribuídos na rede pública municipal, a Secretaria de Saúde de Brusque, através da Diretoria de Assistência Farmacêutica, realiza mais uma ampliação do horário de funcionamento da Farmácia Básica Central, que atende anexo a Policlínica Central.

A partir desta quinta-feira (9) o novo horário será entre 8h e 20h30min sem fechar para o almoço, de segunda a sexta-feira. Com essa iniciativa a meta é atender o usuário que necessita de medicamentos controlados e restritos fora do horário comercial, bem como, dar um maior suporte aos atendimentos médicos realizados no PA central. As Unidades Básicas de Saúde (UBS) continuam dispensando medicamentos não restritos dentro de seu horário de atendimento, mantendo a descentralização nos bairros.

A Farmácia Excepcional, que atua na entrega de medicamentos de alto custo e demandas judiciais continua atendendo das 8h as 12h e das 13h as 17h, no mesmo local.

Falta de vacinas e salas de vacinação com atendimentos suspensos

A Secretaria de Saúde de Brusque, por meio do setor de Vigilância Epidemiológica, informa que estão em falta as vacinas: Pentavalente, que protege contra a difteria, tétano, coqueluche, hepatite B e a bactéria haemophilus influenza tipo b, responsável por infecções no nariz, meninge e na garganta; VOP que atua na prevenção da Poliomielite e; DTP, contra difteria, tétano e coqueluche.

A falta das vacinas está relacionada a problemas de repasse do Ministério da Saúde, e trata-se portanto de uma dificuldade não só da cidade de Brusque, atingindo outros municípios da região e do Estado de Santa Catarina. Questões que envolvem testes de qualidade e a eficácia dos produtos por parte da ANVISA, atrasos de entrega dos fornecedores, entre outros, são as justificativas apontadas pelas autoridades nacionais epidemiológicas. Não há previsão de retorno das mesmas.

Já sobre as salas de vacinação nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), a Secretaria de Saúde esclarece que nos bairros Santa Rita, São Luiz e Paquetá, o atendimento será retomado no dia 21 de janeiro e em Águas Claras, a sala estará aberta em seis de fevereiro. Enquanto isso, os moradores dessas localidades devem procurar a Policlínica Central, entre 8h e 12h e das 13h as 17h.

Últimas postagens

Publicidade
WhatsApp chat