Rompimento de cabos afeta telefonia e internet na Rua Rodrigues Alves

Outras notícias da semana

Polícia Militar prende homem após golpes do falso funcionário de banco

Na tarde desta quinta-feira, 19, por volta das 13h, a Polícia Militar em Brusque, foi acionada para atender uma ocorrência de estelionato, no qual...

Samae informa falta de água em diversos bairros nesta terça-feira (24)

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto de Brusque (Samae) informa que o abastecimento de água para diversos bairros do município será comprometido,...

Sintrivest recomenda às empresas o pagamento integral do 13º Salário

O Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Vestuário de Brusque e Região (Sintrivest) encaminhou nesta semana, um ofício a todas as empresas de contabilidade,...

Aumento dos casos da Covid-19 foi tema principal da reunião da Câmara de Guabiruba

Na noite de terça-feira, 24, aconteceu mais uma sessão ordinária da Câmara Municipal de Guabiruba, sendo os trabalhos presididos pela vereadora Rosita Kohler (Progressistas). ...

O rompimento de cabos de telefonia e outras fiações geram preocupação e transtornos nas imediações da rua Rodrigues Alves, no Centro. O problema se concentra mais nos pontos comerciais próximos da loja da Mega Motos.

De acordo com o gerente da Mega, Maicon Bertolini, a informação recebida de moradores e de empreendedores é de que no último sábado, 26, a Celesc realizou a troca de um poste, no entanto, o cabeamento ficou baixo e um caminhão ao passar pela via atingiu a malha de fios.

O cabeamento ficou baixo e muitos fios estão soltos. Entre as preocupações, conforme Maicon, está o perigo de algum cabo estar energizado.

“Tem fio caindo na via pública e bem baixo – se passar mais um caminhão arranca tudo fora. A gente não sabe se está energizado, mesmo sendo a maioria de telefonia”, disse.

A outra dificuldade é com o sistema operacional das linhas telefônicas. Maicon conta que já fez contato com as empresas, mas nenhuma delas assume o dano e o envio de equipes para recuperação. No caso, da Mega Motos está sem o telefone convencional funcionando e a situação é a mesma para lojas e empreendimentos do local.

“As operadoras ficam empurrando uma para outra e ninguém resolve nada”, comentou.

Uma autoescola, um prédio comercial e de escritórios, que ficam no trecho inicial da via, também estão sem o funcionamento de telefones convencionais e de internet. Os empresários e profissionais que atuam na área estão se mobilizando para buscar solução junto à Celesc e as operadoras.

Últimas postagens

Interligado – sorteio de 26 de novembro.

Torre de Chope do Sombreiro Choperia. De terça a sábado a partir das 18h, novo ambiente com um super cardápio e chope sempre...

Emprego – Auxiliar administrativo

Renal Vida contrata auxiliar administrativo. Vaga para cidade de Brusque exclusivo para pessoas com deficiências. Cadastre seu currículo no site renalvida.org.br/trabalhe-conosco ou via e-mail...

Consulado do Inter em Brusque arrecada R$ 7.500 com rifa em prol da Laurinha

O consulado do Sport Clube Internacional em Brusque realizou uma rifa em prol da campanha Salve Laurinha. Com cerca de 40 sócios e mais...
Publicidade
WhatsApp chat