Decisão em primeira instância indefere candidatura de Ciro Roza; que irá recorrer

Publicidade
Utilidade pública

Em decisão de primeira instância, a Juiza Clarice Ana Lanzarin indeferiu o pedido de candidatura de Ciro Roza, que concorre à prefeito de Brusque.

A decisão vai de encontro aos pedidos de impugnação formulados pelo Ministério Público Eleitoral e pela coligação do Republicanos, do candidato Paulo Sestrem.

Em contato com representantes do corpo jurídico do candidato e também do partido Podemos, o Jornal da Diplomata recebeu a informação já era esperado pelo veredito em primeira instância, mas, a coligação está confiante que o recurso que será impetrado no TRE-SC irá reverter o quadro e manter Ciro na disputa das eleições 2020.

“Respeitamos a decisão da Juíza de Primeiro Grau, mas temos convicção de que Ciro Roza está elegível. Serão adotados os recursos cabíveis aos Tribunais Superiores para corrigir o equívoco na decisão. Ele continua normalmente como candidato”, disse o advogado Danilo Visconti.

Pela decisão, o prazo para substituição da candidatura é de dez dias. Na noite desta quarta-feira, 21, Ciro Roza participará do painel de ideias da Acibr, onde deverá comentar sobre o assunto.

Publicidade
Últimas notícias

Polícia Civil recupera televisão e notebook furtados em residência

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Furtos e Roubos de Brusque, recuperou uma televisão e um notebook,...
Publicidade
WhatsApp chat