CDL faz esclarecimentos sobre vídeo em que candidato questiona “Área Azul”

Outras notícias da semana

Brusque registra o 64º óbito relacionado a Covid-19

Brusque registra o 64º óbito relacionado a Covid-19 A Vigilância em Saúde informa o 64º óbito por Covid-19 em Brusque. Trata-se de um homem de...

Aumento dos casos da Covid-19 foi tema principal da reunião da Câmara de Guabiruba

Na noite de terça-feira, 24, aconteceu mais uma sessão ordinária da Câmara Municipal de Guabiruba, sendo os trabalhos presididos pela vereadora Rosita Kohler (Progressistas). ...

Telefones de Unidades de Saúde passam por manutenção

A Secretaria de Saúde informa que, devido à portabilidade das linhas telefônicas, os telefones das Unidades Básicas de Saúde dos bairros Volta Grande, Paquetá,...

Vereadores aprovam orçamento de 2021 e projeto que proíbe som e bebidas alcoólicas nas praças públicas

Os vereadores aprovaram, em segunda votação, o Projeto de Lei Ordinária nº 50/2020, de origem executiva, que “Estima a receita e fixa a despesa...

A Câmara de Dirigentes Lojistas de Brusque recebeu na manhã desta quinta-feira, 22 de outubro de 2020, um vídeo de um candidato a Vereador que questiona o estacionamento rotativo de Brusque, denominado “Área Azul”. 

Neste vídeo, o candidato destaca que se for eleito irá reformular a lei para que o usuário tenha “que ser notificado antes de receber a multa, para que ele tenha direito à defesa e para que ele tenha direito a pagar um valor justo, e não um valor absurdo de uma multa e perda de pontos na carteira”.

Diante de tal posicionamento, a CDL Brusque esclarece que, conforme a Lei Nº 4138, de 11 de Julho de 2018, que dispõe sobre a implantação do sistema de estacionamento rotativo controlado pago nas vias públicas municipais, denominado Área Azul, “esta demanda sugerida pelo candidato não precisará de atenção e esforços, visto que o sistema de Área Azul, na cidade de Brusque, sempre contemplou um prazo para regularização”.

De acordo com a Lei municipal, o usuário que receber uma notificação de irregularidade tem o prazo de sete dias úteis para esta regularização, sendo que nas primeiras 24 horas o valor da regularização custa R$ 2, e após este período até o sétimo dia útil o valor é de R$ 5. Caso a infração não seja regularizada no período de sete dias úteis, a lei em vigor prevê sim o auto de infração de multa, emitida pela autoridade de trânsito competente.

Uma das principais funções de um vereador é legislar e, para isso, acreditamos que os candidatos devam conhecer as leis vigentes em nossa cidade. Visto o total desconhecimento do candidato sobre uma lei já existente, a CDL de Brusque reitera a importância do voto consciente e clama à população para que não caia em propostas populistas que não possuem condições de serem executadas, até porque, neste caso, a proposta sugerida já está em vigor há mais de 20 anos.

Lamentamos que informações equivocadas repassadas por candidatos ainda aconteçam em pleno ano de 2020, o que somente traz insegurança à população e às autoridades envolvidas.

Últimas postagens

Confira o boletim epidemiológico desta terça-feira, 1º de dezembro

A Vigilância em Saúde de Brusque registrou 198 novos casos confirmados de Covid-19 na cidade, nas últimas 24 horas. Conforme o último boletim epidemiológico...

Rua Poço Fundo passa por detonação de laje

Nesta quarta-feira (02) a rua Poço Fundo vai passar por uma detonação de rocha, a ação faz parte das obras de drenagem, pavimentação asfáltica...

Apae de Brusque divulga ganhadores da Rifa de 2020 da entidade

A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) de Brusque realizou na segunda-feira, 30 de novembro, a divulgação dos ganhadores da Rifa de...

Mulher morre em acidente na SC-108, em São João Batista

Uma mulher de 31 anos morreu vítima de acidente em São João Batista, na tarde desta terça-feira, 1º de dezembro. De acordo com a...

CDL Brusque e Prefeitura acendem as luzes de Natal nesta sexta-feira, 04

Diferente dos anos anteriores, em 2020 a Praça Barão de Schneeburg de Brusque não terá casa do Papai Noel, para evitar aglomerações devido a...
Publicidade
WhatsApp chat