Metalúrgicos de Brusque conquistam 8% de reajuste salarial, 11% no piso da categoria e abono de R$ 400 reais

A jornada de trabalho reduzida, de 43,5 horas semanais, e homologação das rescisões de contrato conferidas no sindicato também foram mantidas.

Publicidade
Utilidade pública


Os trabalhadores metalúrgicos de Brusque e Região aprovaram na manhã deste domingo, 23 de maio,  em assembleia, reajuste salarial de 8% (7,59% do INPC – Índice Nacional de Preços ao Consumidor –  e 0,41% de ganho real). Entre os benefícios estão o plano de saúde, reembolso de 50% no valor do medicamento com receita, pago pelas empresas, piso salarial que avançou 11%, estabilidade para gestantes de sete meses, três a mais do que prevê a Lei, entre outros.

O prêmio assiduidade se manteve em R$ 285,00 por semestre, podendo chegar a R$ 570,00 no ano. A jornada de trabalho reduzida, de 43,5 horas semanais, e homologação das rescisões de contrato conferidas no sindicato também foram mantidas. Assim, foi aprovada a manutenção de todas as cláusulas sociais e benefícios na Convenção Coletiva de Trabalho 2021/2022. No total, o documento tem cerca de 40 itens.

Outro item aprovado na assembleia é um abono de R$ 400,00 que as empresas pagarão para os trabalhadores registrados até 30 de abril de 2020, de uma até três parcelas, entre maio, junho e julho de 2021. Algumas empresas, porém, vão realizar o pagamento em uma vez. Esse valor será pago como compensação pelos oito meses em que a categoria ficou sem reajuste entre maio e dezembro de 2020, devido aos efeitos da pandemia no país na ocasião.

Dirigentes sindicais na composição da mesa de trabalho durante assembleia da categoria. (imagem: Assessoria Sintimmmeb).

A assembleia

Devido às restrições e os cuidados tomados por causa da pandemia de Coronavírus, a assembleia foi realizada de forma mista; a presencial, no auditório da sede administrativa, com limitação de público e distanciamento; e online, por meio do Instagram e Facebook oficiais do sindicato. Nesse último quesito, os trabalhadores e trabalhadoras puderam votar pelo aplicativo do sindicato, o “Sintimmmeb Brusque”.

Na votação presencial, o documento foi aprovado por unanimidade pelos trabalhadores e trabalhadoras presentes. Na votação pelo aplicativo, 97% dos metalúrgicos que votaram aprovaram as cláusulas negociadas pela comissão, formada por membros da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores Metalúrgicos de Brusque (Sintimmmeb). Todos os itens já passam a valer a partir dos vencimentos referentes ao mês de maio, recebidos até o 5º dia útil de junho.

“Os trabalhadores da nossa categoria participaram efetivamente das negociações, das assembleias, tanto presencial como online. Uma negociação de Convenção Coletiva de Trabalho é sempre complexa e delicada. Mas entendemos que dentro das circunstâncias econômicas, evoluímos com relação as cláusulas econômicas e também nos itens sociais, como a do nosso plano, a Sintimmmeb Saúde, que promove acesso à saúde de qualidade aos beneficiários metalúrgicos e aos demais benefícios e conquistas”, comentou o presidente do Sintimmmeb, Eduardo de Souza. 

Fonte: Texto e imagem – Assessoria do Sintimmmeb.

Publicidade
Últimas notícias

Covid-19: Confira o boletim epidemiológico deste domingo (26)

Nas últimas horas 10 novos casos da doença foram confirmados O boletim epidemiológico divulgado pela Diretoria de Vigilância em Saúde...
Publicidade
WhatsApp chat