Após investigação, duas pessoas são presas suspeitas pelo crime de roubo no Steffen

Publicidade
Utilidade pública

A Polícia Civil, por meio da Divisão de Furtos e Roubos de Brusque, concluiu uma investigação de crime de roubo ocorrido no mês de fevereiro no bairro Steffen, em Brusque.

Durante as investigações apurou-se que os investigados dois homens (um de 42 anos e outro de 29 anos) foram até a casa onde a vítima se encontrava (um homem de 35 anos), agrediram-na com socos, chutes e pedaços de madeira e, quando estava desacordada, subtraíram uma carteira contendo aproximadamente mil reais e um aparelho celular.

Inicialmente foi identificado um dos autores – o homem de 42 anos –, o qual alegou que as agressões foram motivadas por ciúmes de sua ex-namorada, negando a realização da subtração de bens da vítima. O investigado vinha prejudicando as investigações, ocultando a identidade de seu comparsa, o que motivou a sua prisão temporária na data de 28 de junho.

As investigações prosseguiram, sendo localizado o celular roubado da vítima com um amigo dos investigados, bem como identificado e preso o segundo envolvido no crime – um rapaz de 29 anos – o qual, após o cometimento do delito, havia se evadido para a cidade de Lages-SC, local onde, na segunda-feira (5), foi preso.

Os dois envolvidos seguem presos preventivamente e o celular roubado foi restituído à vítima.

Publicidade
Últimas notícias

Secretário da Fazenda e Gestão Estratégica fala sobre ações e próximos passos da administração

Na manhã desta terça-feira, 27, o Jornal da Diplomata recebeu o secretário municipal de Fazenda e Gestão Estratégica, William...
Publicidade
WhatsApp chat