AmpeBr comemora sucesso da 56ª Pronegócio

Publicidade
Utilidade pública

As 120 marcas catarinenses que participaram da 56ª Pronegócio – rodada de negócios de confecção realizada em Brusque esta semana, saem do evento com foco agora na linha de produção. Isto porque o evento, promovido pela Associação das Micro e Pequenas Empresas de Brusque e Região (AmpeBr) em parceria com o Sebrae/SC, mais uma vez proporcionou excelentes negociações, com a vinda de clientes de diversas partes do Brasil. A 56ª Pronegócio apresentou a coleção Alto Verão 2021-2022 nos segmentos masculino, feminino, infantil, moda praia, fitness e agradou os compradores das redes de lojas participantes.

Realizada no formato shopping, a rodada termina com números muito expressivos, os quais foram acompanhados diariamente pela diretoria da AmpeBr. “Concentramos esta rodada em quatro dias, até por ser um evento um pouco menor dos demais e estamos muito felizes com o resultado. Percebemos que o momento marca o retorno dos eventos presenciais, com as pessoas um pouco mais tranquilas em participar desta forma. Estamos sempre comparando a 56ª Pronegócio com a rodada de 2019, momento em que estava tudo normal, um cenário sem pandemia. Nesse comparativo, tivemos um aumento de 40% no número de peças vendidas por fábrica. É um resultado muito importante, isso significa que as fábricas realmente venderam, é um volume de negócios acima do esperado”, ressalta a presidente da AmpeBr, Sandra Neli Werner.

A 56ª Pronegócio foi realizada no Clube Santos Dumont, espaço em que a AmpeBr já promoveu rodadas de negócios anteriormente. “Já estávamos acostumados a realizar eventos no clube e a logística foi bem fácil. Mantivemos o modelo shopping nesta edição, mas iniciamos um trabalho de pesquisa com nossos fabricantes e compradores, a fim de ouvir a opinião deles, porque afinal de contas, a AmpeBr quer atendê-los e fazer esse ‘casamento’ de vendas e compras da melhor maneira e que satisfaça o maior número de pessoas”, enfatiza Sandra.

Terminada a rodada a presidente revela que o sentimento é de missão cumprida. “A diretoria está muito satisfeita, todos estiveram muito envolvidos e terminamos esta rodada de sucesso, muito felizes”, complementa.

De Brusque para o Brasil

Os negócios gerados durante a rodada em Brusque, aquecem toda a cadeia produtiva têxtil e de confecção de diversos municípios catarinenses. O resultado de todos os negócios gerados durante a 56ª Pronegócio e produzidos na sequência pelas marcas participantes, vão estampar, em formato de looks, vitrines em todo o Brasil, como é o caso das lojas que fazem parte do Grupo Nacional, de Goiás, que marcou presença na rodada esta semana. Julivê Corredeira representou o Grupo na rodada e ficou muito satisfeito com as coleções apresentadas pelas marcas e com os negócios realizados. Vindo da cidade de Mineiros-GO, ele conta que há seis anos a empresa participa das Pronegócios promovidas pela AmpeBr, momento em que realiza pedidos de todos os segmentos apresentados na rodada. “A primeira impressão que tivemos do evento, há seis anos, foi surpreendente pela organização e pela ética profissional dos fornecedores. O que nos fez firmar e estar sempre aqui é a qualidade dos produtos, o atendimento perfeito que sempre recebemos e as coleções, que encaixam no nosso perfil de loja. Santa Catarina é o berço da moda, onde se consegue bem elaborar um produto, com um valor competitivo e que faz sucesso nos pontos de venda. E esta edição da Pronegócio, particularmente, está muito interessante e atendeu nossas expectativas. Voltamos para Goiás com bons negócios realizados”, avalia.

Pedro Mercês, de Feira de Santana, Bahia, participou pela primeira vez da Pronegócio e ficou surpreso com o formato da rodada, com toda a logística do evento e com as coleções apresentadas pelas marcas catarinenses. “O modelo da Pronegócio é muito interessante. Por ser nossa primeira participação, avalio como uma semana produtiva de trabalho. Fechamos com 11 novos fornecedores e queremos voltar na próxima edição”, comenta.

Vendas e percepção de mercado

A representante da empresa Bika Kids, de Gaspar, Maria Luiza Lucion, avalia de forma positiva a participação nesta edição da rodada. Há seis anos a empresa aproveita a oportunidade da Pronegócio para vender peças do segmento infanto-juvenil. “Valeu muito a pena participar, pois aqui sempre temos contato com novos clientes, novas parcerias e oportunidades de negociação. É uma semana intensa de trabalho onde também percebemos o retorno dos clientes em relação aos nossos produtos, o que eles estão buscando, o que podemos desenvolver e oferecer. Percebemos que além de um canal importante de venda, a Pronegócio é uma referência para os nossos produtos no mercado e já estamos ansiosos para a próxima edição”, comenta.

Assim como ela, o diretor da empresa Olho Fatal, Edson Junkes, de Jaraguá do Sul, também marcou presença em mais uma edição da rodada e destacou o quão significativo é o evento com relação às vendas e também ao retorno dos clientes sobre os produtos. “A Pronegócio é um termômetro, pois além de vender conseguimos saber como está o mercado, como está a adesão do consumidor da ponta em relação as nossas coleções. Essa semana foi muito produtiva, vimos que os clientes vieram mesmo para comprar, então realmente a Pronegócio supre as necessidades dos lojistas, nessas datas estratégicas. Há uma perspectiva muito boa para o final deste semestre e tenho certeza que vamos ter um bons resultados”, projeta.

Segundo ele, o trabalho de associativismo realizado pela AmpeBr, por meio da Pronegócio, é excelente e contribui para o desenvolvimento da economia de todo o país. “A AmpeBr, através da Pronegócio, é referência no Brasil, pois oferece muitas oportunidades, reúne o maior número de lojistas do país e faz com que os fabricantes tenham chances de negociar seus produtos de forma séria e assertiva. Ficamos muito felizes em participar sempre do evento e levar o nome e a credibilidade dos produtos do Sul do país para o resto do Brasil”, complementa.

Próxima Pronegócio

A 57ª Pronegócio que apresentará a coleção Outono Inverno 2022 já tem data marcada: 17 a 21 de janeiro de 2022. A presidente da AmpeBr adianta que o evento está previsto para acontecer no Pavilhão Maria Celina Vidotto Imhof, um espaço mais amplo para esta que será uma das maiores rodadas do ano. 

Texto: Ideia Comunicação

Publicidade
Últimas notícias

Alô Mamãe: Projeto da UBS Jardim Maluche acolhe mulheres durante gestação

A pandemia mudou a rotina das pessoas. A maioria precisou se reinventar em suas funções e ações. E muitos...
Publicidade
WhatsApp chat