Homem agride colega de trabalho com facão, autor da tentativa de homicídio segue foragido

Publicidade
Utilidade pública

Uma tentativa de homicídio movimentou o setor da segurança pública nesta quarta-feira, 14, em Brusque. Conforme relatórios divulgados à imprensa, pela Polícia Militar e Policia Civil, o caso ocorreu no bairro Cristalina, por volta das 6h45, no interior de uma empresa de reciclagem.

Por conta de um desentendimento no dia anterior, o acusado chegou em posse de um facão e partiu para agredir a vítima, que se defendeu com uma barra de ferro.

O autor da tentativa de homicídio desferiu vários golpes, sendo que duas investidas com o facão provocaram ferimentos na vítima. Colegas de trabalho dos dois envolvidos fizeram esforços para apartar a briga e aos poucos conseguiram afastar para fora da empresa o acusado, que deixou o local em uma motocicleta, carregando o facão. Ainda conforme consta, ele teria proferido ameaça de que ir buscar uma arma.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e conduziu a vítima ao hospital.  

Segundo a PM, a motivação do desentendimento estaria no trabalho de manutenção de uma das máquinas da empresa, sendo a vítima utiliza a mesma máquina que o autor e na data de ontem pediu para o mesmo que deixasse a máquina “mais limpa” para facilitar o serviço de ambos.

Na manhã de hoje, o autor chegou na empresa com um facão na mão falando: “eu vou te matar, não sou criança pequena” e lhe desferiu vários golpes, dos quais um acertou sua mão esquerda e outro sua cabeça.

Polícia Civil – Nesta manhã a Divisão de Investigações Criminais foi acionada para atender uma situação de homicídio tentado.

As informações inicialmente colhidas dão conta de que o funcionário de uma empresa de reciclagem atacou um colega de trabalho com golpes de facão, causando diversos ferimentos. Ainda segundo informado, o agressor tinha a evidente intenção de matar a vítima, mas a consumação não ocorreu graças à intervenção de outros funcionários.

Após o crime, a vítima foi encaminhada ao hospital Azambuja, onde recebeu atendimento médico e foi liberada horas depois. Já o agressor está foragido e é procurado pela Polícia Civil.

A Polícia Civil segue com as investigações.

Publicidade
Últimas notícias

FME remota escolinhas de iniciação esportiva com grade de modalidades

A prefeitura de Brusque, por meio da Fundação Municipal de Esportes (FME), vai retomar as atividades das escolinhas de...
Publicidade
WhatsApp chat