Equipe de Simulações do Colégio Cônsul vai participar do Harvard Model United Nations 2022

Publicidade
Utilidade pública

Recebemos no Programa da Hora desta terça-feira (5), o aluno Arthur Sophiatti e o professor Reynaldo Coimbra, do Colégio Cônsul Carlos Renaux, para falarem sobre o Projeto ONU, desenvolvido por estudantes do educandário.

A Equipe alcançou um feito histórico: é a única equipe brasileira selecionada para as simulações de Genebra, uma das mais importantes do mundo.

O Colégio Cônsul possui duas equipes de Simulação, formadas por estudantes do Ensino Médio e orientadas pelo professor Reynaldo Coimbra, idealizador do projeto.

O evento em questão é o WIMUN, uma conferência modelo da ONU para estudantes do Ensino Médio e Superior. A delegação do Colégio Cônsul foi selecionada entre mais de 600 inscritas, tornando-se a única representante brasileira de Ensino Médio.

Acompanhe a entrevista, conduzida pela jornalista Juliane Ferreira e os locutores Jô Eufrásio e Cris Pereira!

Entrevista completa
Juliane Ferreira, Arthur Sophiatti e Reynaldo Coimbra nos estúdios da Rádio Diplomata. (Foto: Diplomata FM)

Genebra é a segunda sede da ONU, sendo a sede do Conselho de Direitos Humanos, da Organização Mundial da Saúde, da Organização Internacional do Trabalho e de muitas outras agências especializadas. 

Durante o WIMUN Genebra, os estudantes terão a oportunidade única de aprender sobre a ONU e suas diferentes agências especializadas, interagir com especialistas dessas agências e do Secretariado da ONU, além de terem contato com mais de 700 jovens do mundo inteiro. Além disso, assumirão o papel de diplomatas para discutir temas políticos, sociais e econômicos internacionais, divididos em atuais e históricos. O objetivo é fazer com que os estudantes aprendam a lidar com conflitos e negociações diplomáticas, obrigando-os a treinar e desenvolver a oratória em inglês e a trabalhar em grupo.

A missão do Projeto ONU, desenvolvido no Colégio Cônsul, é construir futuros líderes e cidadãos jovens globais por meio do Modelo das Nações Unidas. A partir do envolvimento, da participação e do debate, busca-se ampliar as vozes dos jovens para promover um mundo pacífico, justo e sustentável.

Para o professor Reynaldo, “o Projeto ONU é uma oportunidade para os estudantes aprenderem e debaterem questões geopolíticas históricas e conflitos internacionais da atualidade, exercendo a diplomacia e desenvolvendo dimensões comunicativas”.

Publicidade
Últimas notícias

Homem é preso pela Polícia Civil por crime de tráfico de drogas, no bairro Azambuja

No início da tarde desta segunda-feira, 25, a Polícia Civil, por intermédio da Divisão de Investigação Criminal de Brusque,...
Publicidade
WhatsApp chat