Paróquia São Luís Gonzaga celebra solenidade da Epifania

Missa marca a revelação de Jesus como Senhor para todos os povos; Na igreja Matriz, a missa das 19h foi presidida pelo padre Cristiano Tiago Araújo

Publicidade
Utilidade pública

A Paróquia São Luís Gonzaga esteve reunida neste domingo, 2 de janeiro, para a celebração da solenidade da Epifania, que marca a revelação de Jesus como Senhor para todos os povos. Na igreja Matriz, a missa das 19h foi presidida pelo padre Cristiano Tiago Araújo.

“Desde o início do Advento, na preparação para o nascimento de Jesus já celebrado, passando pela Sagrada Família e pela solenidade da Santa Mãe de Deus, agora chegamos na Epifania, na qual a Igreja celebra a revelação de Jesus como Senhor de todas as nações. Na Igreja do Oriente, esta data é mais comemorada do que o Natal, porque a visita dos Reis Magos ao menino simboliza a humanidade que se volta para conhecer a divindade e a realeza de Jesus, no cumprimento das profecias do Antigo Testamento. Todos os olhares se voltam para o menino, que concretiza a promessa de Deus para a humanidade”, explica padre Tiago.

Na igreja Matriz, a missa das 19h foi presidida pelo padre Cristiano Tiago Araújo. (Foto: Assessoria/Paróquia São Luís Gonzaga)

Segundo ele, outras solenidades importantes marcam o início do ano. É o caso do Batismo do Senhor, celebrado no próximo domingo, 9 de janeiro. “Somos convidados a viver estes momentos de uma maneira mais profunda e intensa, como se fosse a primeira e a última vez. Isso porque todos os dias somos capazes de nos transformar em pessoas melhores em nossa caminhada cristã”, enfatiza.

Atendimento

Até o dia 27 de janeiro, padre Tiago será responsável pelas celebrações na igreja Matriz. Já as Comunidades que integram a Paróquia São Luís Gonzaga seguem o calendário de missas previamente definido.

A secretaria paroquial retoma o atendimento em 10 de janeiro, às 13h. E a partir do dia 11, sempre às terças-feiras, padre Tiago estará à disposição para o atendimento à comunidade.

“Em caso de emergência, como um falecimento, o sacramento da Unção dos Enfermos ou situações mais específicas, estaremos à disposição a qualquer momento, para prestar nosso serviço de auxílio ao povo de Deus. Em fevereiro todos os confrades retornam e começaremos 2022 com muito trabalho e amor”, frisa padre Tiago.

Três ensinamentos

Durante a homilia da solenidade de Epifania, padre Tiago destacou três ensinamentos que marcam o encontro dos três Reis Magos com o Menino Deus, em uma manjedoura de Belém.

“O primeiro ensinamento é seguir a luz. Como os Reis, nós também somos direcionados pela luz de Cristo, vivo, ressuscitado e presente no meio de nós. A luz nos afasta da escuridão do pecado e nos orienta como um farol, em busca de nossa verdadeira vocação, que concretiza a vontade de Deus em nossa vida”, disse o sacerdote, na oportunidade.

Já o segundo ensinamento vem dos presentes escolhidos pelos Magos e oferecidos com carinho ao Menino Jesus. “O ouro representa a realeza. O incenso, a divindade. E a mirra é o sinal da humanidade. Esta é uma prefiguração do que seria a vida de Jesus, que assemelhou-se a nós em tudo, menos no pecado. Os Reis abriram seus cofres para oferecer o que havia de melhor. Hoje, Deus espera a abertura de nosso coração”.

Por fim, o último ensinamento listado por padre Tiago durante a homilia é a busca de um novo caminho, quando se vive uma experiência profunda e verdadeira do amor de Deus. “Diferente do que havia pedido Herodes, os Reis voltaram para suas terras por um outro caminho. Não posso rezar, comungar, receber os sacramentos e ser sempre a mesma pessoa. Precisamos estar em constante transformação para crescer na fé e nos tornarmos pessoas melhores. O nome disso é conversão”, ressalta. 

(Foto: Assessoria/Paróquia São Luís Gonzaga)
Publicidade
Últimas notícias

Receita abre consulta para lote residual de restituições na segunda

A Receita Federal vai liberar nesta segunda-feira (24) de manhã a consulta ao lote residual de restituições do Imposto...
Publicidade
WhatsApp chat