Equipe da Família acolhedora inicia visitas a líderes locais

Publicidade
Utilidade pública

A equipe da Família Acolhedora da Prefeitura de Brusque vem realizando visitas a líderes locais, na primeira etapa os encontros ocorrem com líderes religiosos. A intenção é que as lideranças possam auxiliar no aumento de famílias cadastradas para receber os jovens que necessitam de acolhimento.

O membro da equipe da Família Acolhedora, o psicólogo Adriano Souza, falou sobre esta etapa. “Começamos pelas entidades ligadas à religião, por entender que estão presentes em todos os bairros, independente da crença religiosa, buscamos divulgar o serviço onde esperamos encontrar pessoas dispostas a acolher. Ou mesmo que estejam dispostas a fazer bem ao próximo, de uma forma direta e até incisiva,” disse.

O programa
A Família Acolhedora é uma iniciativa prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que visa acolher crianças e adolescentes, de 0 a 18 anos, que foram afastadas da sua família de origem por medida de proteção.

Os acolhedores recebem voluntariamente as crianças em suas casas e assumem o compromisso de dar a elas proteção, convivência social, cuidados rotineiros como educação, saúde e lazer. Além de contribuir com a preservação do vínculo e convivência familiar.

A família que acolhe deve estar ciente que não está adotando a criança ou adolescente. O acolhimento e adoção são coisas distintas. O acolhimento é por um tempo determinado pelo Juizado e após esse período a criança volta para a família de origem ou segue para adoção.

Para participar, é preciso residir no município de Brusque, ter mais de 21 anos (sem restrições quanto ao sexo ou estado civil), ter aceitação de todo o grupo familiar com a proposta do acolhimento, não apresentar problemas psiquiátricos, dependência química e não estar respondendo processo judicial.

Também é necessário ter disponibilidade de tempo e interesse em oferecer proteção e amor às crianças e adolescentes, além de ter disponibilidade para participar do processo de habilitação e das atividades do Serviço. Caso o interessado tenha vontade de adotar uma criança não pode participar do programa.

Inscrições e mais informações podem ser obtidas pessoalmente na Secretaria de Desenvolvimento Social, pelo telefone (47) 3251-1834 ou pelo e-mail familia.acolhedora@brusque.sc.gov.br.

Publicidade
Últimas notícias

Taça FCB inicia nesta quinta-feira (26) em Brusque

Quatro equipes catarinenses iniciam nesta quinta-feira (26) a disputa da Taça FCB. A chave B, disputada em Brusque, conta...
Publicidade
WhatsApp chat