Fórum Trabalhista de Brusque recebe selo máximo de eficiência energética do Inmetro

Edificação foi a primeira obra reformada da Justiça do Trabalho no país a receber nível A

Publicidade
Utilidade pública

A obra de reforma do Fórum Trabalhista de Brusque preencheu todos os requisitos de eficiência energética e conquistou o nível A da Etiqueta Nacional de Conservação de Energia (Ence). O selo foi concedido pelo Programa Brasileiro de Etiquetagem (PBE), que é coordenado pelo  Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro).

É a segunda unidade em toda a Justiça do Trabalho a conquistar o selo máximo na categoria “edificação construída” e a primeira quando se trata de uma reforma. Anteriormente, a construção do Fórum Trabalhista de Lucas do Rio Verde, no estado do Mato Grosso, já havia atingido o feito.

Para conceder a etiqueta, o órgão responsável considera aspectos como a envoltória (revestimento do prédio), iluminação e condicionamento de ar, que, além da temperatura, envolve umidade, limpeza e a circulação do ar no ambiente. Depois disso, o imóvel é classificado de A (mais eficiente energeticamente) até E (menos eficiente).

“O projeto de reforma foi integralmente concebido para a obtenção da etiqueta. Essa é uma conquista importante para o nosso Tribunal, sobretudo quanto aos aspectos relacionados à sustentabilidade”, ressalta a arquiteta Kristina Natália Cancelier, do Serviço de Projetos e Obras do Tribunal Regional do Trabalho da 12ª Região (TRT-12).

Destinada a edificações públicas, a etiqueta foi instituída pelo Poder Executivo em 2014, por meio da Instrução Normativa MPOG/SLTI nº 02. O Guia de Contratações Sustentáveis da Justiça do Trabalho a apresenta como um objetivo a ser atingido.

Publicidade
Últimas notícias

Grupo de Feirino do Bandeirante promove confraternização com ex-jogadores profissionais

O grupo de feirino Clube 25, da Sociedade Esportiva Bandeira, promoveu um momento de confraternização na noite desta última...
Publicidade
WhatsApp chat