14 C
Brusque
domingo, maio 19, 2024
InícioNotíciasGeralParóquia São Luís Gonzaga celebra o Natal

Paróquia São Luís Gonzaga celebra o Natal

Data:

Publicidade

spot_img
spot_img
spot_img

Imagem do menino Jesus foi recebida no presépio sob a luz das velas

Na noite de 24 de dezembro a Paróquia São Luís Gonzaga celebrou o Natal com a missa presidida pelo pároco, padre Diomar Romaniv, e concelebrada pelo padre Alcides Pedrini, na igreja Matriz. A imagem do menino Jesus foi levada até o altar, sob a luz das velas que iluminavam o templo. Ao fim da celebração, as crianças foram convidadas a contemplar o presépio, enquanto a comunidade formava um só coro a entoar o clássico “Bate o sino pequenino” e “Noite feliz”.

Para lembrar que a celebração do Natal é uma noite de luz, padre Diomar fez referência ao próprio menino Jesus, que brilha. “É a festa do amor de Deus, que se encarna, para expressar todo o seu amor pela humanidade e, assim, enche-nos de paz e alegria. Nós celebramos isto na liturgia da Igreja e queremos comunicar esta notícia de que Deus participa de nossa vida”, afirma o pároco.

Ele ainda lembra que o sentido da festividade é a fé, a família e a paz: uma luz e esperança para um mundo marcado por guerras, escuridão e indiferença. “Muitas vezes as pessoas pensam que Deus não se importa conosco, mas Ele nunca nos abandona. Então é isso que queremos relembrar nesta noite, anunciar que Jesus está entre nós, nos ama e está presente em tudo que vivenciamos”, frisa padre Diomar.

Demonstração de amor

Durante a homilia, com um bebê no colo, o pároco ressaltou que ao longo da história da salvação Deus expressou, através de diversas falas, o seu amor pelo seu povo. Mas isso não foi o suficiente, Ele se fez presente, através de uma criança, para demonstrar o quanto ama cada um de seus filhos.

“Junto com o menino nascido nesta noite nós experimentamos o amor mais profundo, intenso e verdadeiro. E através dele, nós sentimos a alegria, a paz, a esperança. Nossos olhos se enchem de uma luz diferente, porque sabemos que somos muito amados. Hoje nós somos convidados a redescobrir que nosso Deus nos ama muito e que nunca está longe de nós”, declara.

Padre Diomar dá continuidade, ressaltando que esse amor deve ser retribuído por cada fiel. “Deus só espera que nós correspondamos na mesma intensidade, que nosso amor por Ele seja tão verdadeiro e sincero, que nunca queiramos ficar longe Dele e, sim, sempre viver e cultivar essa relação”, enfatiza.

Publicidade
WhatsApp chat