26.3 C
Brusque
terça-feira, fevereiro 27, 2024
InícioNotíciasSegurança PúblicaPolicia Militar e Civil de Brusque detalham números da Segurança Pública ao...

Policia Militar e Civil de Brusque detalham números da Segurança Pública ao longo de 2023

Data:

Publicidade

spot_img
spot_img
spot_img

Números foram apresentados a imprensa nesta sexta-feira dia 5

Na tarde desta sexta-feira, 5 de janeiro, o comandante do 18º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Pedro Carlos Machado Junior, e o delegado regional de Polícia Civil, Fernando de Faveri, divulgaram o balanço das ocorrências registradas em 2023 em Brusque e região. A apresentação conjunta dos dados visa evitar discordâncias e destaca a importância da cooperação entre as polícias e os bombeiros para resultados positivos na segurança pública.

Aumento nas Ocorrências Atendidas pela Polícia Militar

Foto: Jornalismo Diplomata

A Polícia Militar registrou um aumento no número de ocorrências em todos os municípios sob o comando do batalhão, incluindo Brusque, Gaspar, Guabiruba, Ilhota e Botuverá. Em Brusque, por exemplo, o número de ocorrências cresceu de 9.720 para 10.217, o que significa um aumento de 5%.

No município, também foi observado um crescimento de 40% no registro de tentativas de homicídio, passando de 10 em 2022 para 14 em 2023. Segundo o comandante essa tendência de aumento merece atenção.

Trânsito: Aumento de ocorrências porem diminuição no número de óbitos

Apesar do aumento nas ocorrências, houve uma diminuição significativa nos óbitos no trânsito, caindo de 28 em 2022 para 21 em 2023, uma redução de 25%. O número de ocorrências de perturbação também apresentou queda, passando de 1.955 em 2022 para 1.875 em 2023, embora o comandante ressalte que esse ainda é um número elevado que impacta o trabalho policial.

Os furtos registraram um aumento elevado, de 400 em 2022 para 469 em 2023. Segundo o comandante o enfrentamento desse tipo de crime acontece graças a colaboração de diversos setores além da segurança pública.

As ocorrências de tráfico de drogas, vêm apresentando redução a cada ano, com uma queda de 27% em 2023 em comparação a 2022, passando de 44 ocorrências para 32.

Homicídios e Ações Preventivas da PM

Foto: Jornalismo Diplomata

Em 2023, foram registrados dois homicídios em Brusque, dois a menos do que em 2022. Essa tendência de queda é positiva, considerando que a PM registrou sete ocorrências em 2021. O comandante salienta que ações preventivas, como as visitas preventivas escolares, acompanhamento de mulheres vítimas de violência doméstica pela Rede Catarina, redes de vizinhos, programas educacionais e operações específicas, São fundamentais para a redução da violência.

Balanço da Polícia Civil

Foto: Jornalismo Diplomata

O delegado Fernando de Faveri destaca o grande número de registros de boletins em 2023 pela 17ª Delegacia Regional de Polícia, que atende Brusque, Guabiruba, Botuverá, São João Batista, Nova Trento e Major Gercino. Foram 29.649 Boletins de Ocorrência registrados, sendo 23.964 pela Polícia Civil, seja de forma presencial ou virtual.

O delegado ressalta a importância do aumento de boletins feitos pela internet, aliviando o atendimento presencial na delegacia.

Roubos e Furtos.

Foto: Jornalismo Diplomata

O número de casos de roubo apresenta divergência em relação aos dados da PM, pois algumas vítimas procuram diretamente a delegacia ao invés de acionar a Polícia Militar. A maioria dos roubos ocorre em via pública, foram 47 ocorrências, seguido por roubo em residência com 11 casos, e em comércio com 7 casos.

O delegado ressalta a importância do entendimento da população em relação à segurança, considerando fatores como a escolha de trajetos seguros, especialmente à noite. Em relação à subtração de veículos, houve estabilidade, registrando 88 casos em 2023, apenas uma leve variação em comparação ao ano anterior.

Principais conclusões e Desafios

O balanço conjunto revela um panorama abrangente das ocorrências na região, destacando avanços, desafios e a importância da cooperação entre as forças de segurança e a comunidade para a construção de um ambiente mais seguro. A implementação de ações preventivas e o enfrentamento conjunto de problemas são fundamentais para promover a segurança pública de forma eficaz.

Essa análise detalhada permite às autoridades e à comunidade compreenderem melhor a dinâmica criminal, ajustando estratégias e políticas públicas de acordo com as necessidades reais da região.

Publicidade
WhatsApp chat