13.9 C
Brusque
domingo, julho 21, 2024
InícioNotíciasCultura“Paixão e Morte de um Homem Livre”: ensaio geral para uma plateia...

“Paixão e Morte de um Homem Livre”: ensaio geral para uma plateia especial

Data:

Publicidade

spot_img
spot_img
spot_img

Cerca de 200 convidados acompanharam este último momento antes das apresentações de Quinta e Sexta-feira Santa

Na noite de quarta-feira, 27 de março, a Associação Artístico Cultural São Pedro (AACSP) realizou o ensaio geral do espetáculo “Paixão e Morte de Um Homem Livre”. O momento reuniu toda a equipe técnica e elenco, ultrapassando a marca de 500 voluntários envolvidos no projeto. Na oportunidade, foram recebidos mais de 200 convidados que integram as Associações de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) da região. Padres, religiosos e seminaristas também acompanharam o ensaio.

“O ensaio aberto é sempre marcado pela emoção ao receber uma plateia de convidados especiais. Há alguns anos a entidade abre esse momento para pessoas com deficiência atendidas pelas Apaes de Guabiruba, Brusque e Nova Trento. Seminaristas e padres também participam porque estarão envolvidos nas celebrações religiosas de Quinta e Sexta-Feira Santa. É com muita honra que recebemos a todos neste último momento de preparação”, explica o presidente da AACSP, Sérgio Valle.

Expectativa

Em contagem regressiva para a primeira apresentação, o clima é de expectativa entre a equipe. “Na quinta ainda temos alguns ingressos disponíveis e esperamos cerca de 3500 pessoas. Já na sexta-feira os ingressos estão esgotados. Desde já agradecemos a expressiva adesão do público que, a cada edição, se faz presente no espetáculo”, frisa.

O diretor, Marcelo Carminati, enfatiza o alinhamento do projeto e o engajamento da equipe técnica e do elenco. “Cada um tem dado o melhor de si. Acredito na superação das expectativas e no alcance dos objetivos traçados. Temos uma equipe sensacional. São grandes atores e atrizes, artistas nas áreas da maquiagem, figurino, cenografia e contra regras que estão se dedicando ao máximo para que tudo aconteça da melhor maneira possível”, destaca.

Carminati enaltece o sentimento de gratidão pelo trabalho realizado e tem a confiança de que Deus estará guiando todos para mais um show inesquecível. “Eu estou em paz porque confio em cada uma dessas pessoas. Mas, acima de tudo, tenho a certeza de que Deus está conosco”, finaliza o diretor.

Convidados especiais

O pároco da Paróquia São Luís Gonzaga, padre Diomar Romaniv, mais do que prestigiar o espetáculo, teve a oportunidade de rezar e abençoar o elenco que se preparava para pisar no palco, já com figurino e maquiagem.  “Nos sentimos agradecidos enquanto Igreja por todo empenho e dedicação de vocês que, nestes dias, são inspiração para todos nós. Pelo serviço, fazem chegar às pessoas a mensagem de amor de Deus, que se revela na morte e ressurreição de Jesus”.

Maria Goreti Bittelbrunn Barcelos estava na plateia ao lado da família. Ela é mãe de Francisco, um menino autista de 4 anos, e irmã de Rodrigo, 28, que desde a infância é assistido pela Apae de Guabiruba. “É uma oportunidade maravilhosa. Há dois anos estivemos aqui, mas choveu naquela noite e não foi possível acompanhar o teatro. Hoje, a expectativa é maior”, diz ela, que tem o irmão mais velho, Roberto, como ator voluntário no espetáculo.

Olívio Valdemar da Silva trouxe a filha, Jaqueline, de 32 anos, para o ensaio geral. Ela é aluna da Apae de Brusque e já esteve em uma apresentação do “Paixão e Morte de um Homem Livre”. Para ele, o espetáculo é uma novidade. “Trouxe duas crianças da vizinhança para assistir também. A mãe delas é tutora da minha filha e nos consideramos uma família. Sou grato pela oportunidade desta noite”, afirma.

Serviços

As apresentações do espetáculo “Paixão e Morte de Um Homem Livre” acontecem no pátio da igreja São Cristóvão, no bairro Aymoré, em Guabiruba. Na quinta-feira, 28 de março, a sessão começa pontualmente às 20h30, e na sexta-feira, 29 de março, às 19h30. Os portões serão abertos duas horas antes do início de cada espetáculo.  

No local haverá estacionamento. Na área interna, o portão 1 é destinado aos ônibus e desembarque de pessoas com deficiência. No portão 2 haverá 250 vagas para carros, ao valor de R$ 10. Já o estacionamento externo tem o valor de R$ 20.

Próximo da área de entrada estará a praça de alimentação e uma loja com produtos exclusivos do evento. Os banheiros contam com acessibilidade e será disponibilizada a tradução simultânea em Libras, além do áudio descrição (limitado a 30 pessoas por noite).

Para quem deseja prestigiar o evento, ainda há ingressos disponíveis apenas para a apresentação de quinta-feira, 28 de março. Os interessados podem adquirir pelo aplicativo Pedidos 10. Os ingressos são vendidos a R$ 22,00 (R$ 20,00 + taxa de serviço). A partir da compra on-line, é gerado um QR Code, que é enviado ao comprador por e-mail ou disponibilizado no próprio aplicativo.

A AACSP reforça que nos dias das apresentações, tanto na quinta, quanto na sexta-feira, ao chegar ao evento, é indispensável a apresentação do QR Code, pelo celular ou de forma impressa.

Saiba mais

A 24ª edição do espetáculo Paixão e Morte de Um Homem Livre é uma realização da Associação Artístico Cultural São Pedro (AACSP), com apoio da Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal, com patrocínio de Havan, Stock Archer, Kohler & Cia, Guabifios e Hipertêxtil, e patrocínio da Prefeitura de Guabiruba por meio da Fundação Cultural. Mais informações a respeito da programação da 24ª Paixão e Morte de um Homem Livre, acesse: www.aacsp.com.br  ou @aacspguabiruba (Instagram).

Crédito das fotos: Amabile Nazário / Ideia Comunicação

Publicidade
WhatsApp chat